Gato pode ter bronquite - Divulgação
Gato pode ter bronquiteDivulgação
Por Larissa Sant'Ana
As temperaturas mais frias do inverno, quase sempre acompanhadas de ar seco, contribuem para o surgimento de doenças respiratórias - e isso vem desde antes da pandemia do novo coronavírus. Com os animais, não é diferente. Os gatos, por exemplo, ficam mais suscetíveis à rinotraqueíte, também conhecida como gripe felina. A doença é causada pelo HVF-1, um herpesvírus responsável pela maioria das infecções respiratórias nos bichanos.

Os sintomas são semelhantes ao da gripe humana: crises de espirros, secreção nasal e ocular, dificuldade de respirar, inflamação dos olhos, excesso de remelas, lesões na boca, língua e lábio, além de tosse, em casos isolados.

Apesar de, normalmente, não ser fatal quando tratada da forma correta, a doença causa bastante desconforto ao gato.

A qualquer sinal da doença, um veterinário de confiança deve ser procurado. Com o diagnóstico confirmado, o tratamento pode ser feito com antivirais, colírios, antibióticos, oxigenoterapia e suplementação alimentar. Tudo vai depender do quadro e do histórico do bicho. Os sintomas se amenizam após dez dias de tratamento.

Por se tratar de uma doença considerada altamente contagiosa - o gato pode se contaminar pelo contato com a secreção e até objetos de outro infectado, como brinquedos e cama -, o mais indicado é que, durante o período de recuperação, o contato do animal doente com outro saudável seja evitado. Isso impede a disseminação do vírus. Porém, a melhor forma de prevenção da doença continua sendo por meio da vacina quádrupla, mais conhecida como V4.

Bicho do leitor: conheça a cadelinha Nina
Bicho do leitor: Nina
Bicho do leitor: NinaArquivo pessoal
Publicidade
Nina tem 11 anos. Ela foi encontrada, ainda filhote, embaixo do tanque da casa de Lydia, hoje com 85 anos. A cadelinha faz companhia para sua dona e a ajuda avisando quando o telefone ou a campainha tocam. As duas torcem para a pandemia acabar logo e poderem ir para o portão acompanhar o que acontece na rua. Que dupla! Quer ver seu bichinho no jornal? Mande foto e um textinho sobre ele para [email protected]
Publicidade
Cobra pode ser criada em casa?
Ibama deve ser consultado quando se deseja ter cobra como animal de estimação
Ibama deve ser consultado quando se deseja ter cobra como animal de estimaçãoReprodução/zoo de brasília
O caso da naja de Brasília, a cobra exótica mantida de forma ilegal que picou um estudante de Veterinária, foi assunto no país nas últimas semanas. Mas será que é permitido ter algum tipo de cobra no Brasil? Sim, as que não são venenosas, como a cobra do milho e a píton. Mesmo assim, é preciso ter autorização do Ibama.
Publicidade
Inverno dá mais fome?
Fome no inverno
Fome no invernoKarolina Grabowska/STAFFAGE
Publicidade
Alguns donos acreditam que os bichos precisam comer mais no inverno, uma forma de manter a temperatura corporal. Isso não é verdade. O veterinário Flavio Silva explica que no Brasil as temperaturas são amenas e que caminhas, roupinhas e cobertores - coisas que bichos com donos têm - já são suficientes para manter a temperatura corporal estável. Portanto, não há motivo para mudar a alimentação do pet.
Publicidade
Aplicativo novinho em folha
Foi lançado um novo aplicativo da Cobasi. Agora, as compras online poderão ser monitoradas e os clientes terão o controle de seus pacotes de assinaturas.
Publicidade
Mais comida saudável
Publicidade
A Premier Nattu é a nova linha de alimentos para cães da PremieRpet®. Feitos com ingredientes naturais e proteína de frango livre de antibióticos.
Publicidade
Ração em abrigos é garantida por lei
Ração
Ração Divulgação
A doação de ração para protetores que precisam alimentar seus animais durante a pandemia agora é lei em Niterói. Aprovada pela Câmara, o texto foi idealizado pelo ativista animal Daniel Lessa e apresentada pelo vereador Bruno Lessa. O objetivo é garantir o bem-estar dos bichos e evitar abandonos, que estão mais frequentes com o isolamento. Pessoas físicas ou entidades sem fins lucrativos interessadas em receber doação poderão se cadastrar. A lei vale enquanto durar o estado de emergência da covid-19.
Publicidade
Feira online
Publicidade
Hoje e amanhã acontece a Feira Online da Retoke. O evento contará com apresentação dos bichos da Associação Casa do Cão e Gato, que precisam de um lar, e campanha de vacinação, entre outros. Tudo será transmitido na conta do Instagram @retoke.