Os prós e contras da Pedagogia

Conheça os dois lados da carreira

Por FRANCISCO ALVES FILHO

Fotos de divulgação dos professores André Ferreira (de branco) e Jorge Neto (de terno preto - GPI) e sala de aula
Fotos de divulgação dos professores André Ferreira (de branco) e Jorge Neto (de terno preto - GPI) e sala de aula -

A área de Educação é nobre: trabalhar ensinando e formando cidadãos é algo gratificante. Por isso, quem escolhe a carreira de Pedagogia merece muito respeito. Mas como está o mercado de trabalho? Vamos começar pela parte que não é tão positiva. A remuneração, infelizmente, está abaixo do desejado. "Nossa profissão não é tão valorizada em no país, apesar de ser a base das outras", lamenta a professora Ana Maria de Oliveira, da escola Municipal Luiz Tenório de Brito, em São Paulo.

Outra reclamação é da carioca Veronice de Almeida Diniz e tem a ver com a pouca oferta de estágios. "Além disso, os valores das bolsas são baixos", diz ela, que dá aula na Escola Eden. Para Veronice, que superou barreiras sociais e começou a faculdade aos 38 anos, quando trabalhava como babá, essa dificuldade poderia fazê-la até mesmo desistir. (Veja aqui a incrível história de superação de Veronice)

Quando se pensa nas vantagens da carreira, uma das primeiras citações é a vasta área de atuação, que vai da sala de aula à gestão de escolas, passando por consultorias e museus. Outro ponto é que, mesmo em número muito menor que antes, prefeituras e governos estaduais volta e meia abrem concurso. A Pedagogia é uma das áreas com maior taxa de empregabilidade no Brasil. Segundo dados do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), 94,13% dos pedagogos estão empregados.

Os prós e contras da Pedagogia (2)

Outra vantagem que não pode ser desconsiderada é o prazer de orientar os jovens. "Mas o que encanta mesmo é poder colaborar com a construção do futuro de tantas pessoas", diz Roberto Barreira, que alterna dando aulas em escola pública e particular.

"É importante trabalhar no que gostamos, assim podemos alcançar a excelência", diz Veronice. "Não se pode escolher o curso apenas porque temos os pontos suficientes no Prouni, mas sim aquele que queremos fazer", opina ela, que atualmente faz pós-graduação em Psicopedagogia.

É hora do Sisu

Com a nota do Enem 2018, os candidatos poderão se inscrever no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) 2019. O prazo para tanto, porém, só começa na próxima terça-feira 22 e se encerra na sexta-feira 25.

A inscrição é feita pelo site do SISU . Neste primeiro semestre, serão ofertadas 235.476 vagas em 129 instituições públicas espalhadas por todo o país. No site do Sisu é possível escolher duas opções de curso.

Inovação em Nova Iguaçu

A Secretaria Municipal de Assuntos Estratégicos, Ciência, Tecnologia e Inovação abriu inscrições para novos alunos na Casa da Inovação. A novidade deste ano são os cursos à distância. Os alunos poderão optar por uma das três formações: Introdução à Cibersegurança, IoE (Internet de Todas as Coisas) e Conecte-se. As inscrições devem ser feitas através do site www.novaiguacu.rj.gov.br/casadainovacao até o dia 5 de fevereiro.

Inistência

"Se não puder voar, corra. Se não puder correr, ande. Se não puder andar, rasteje, mas continue em frente de qualquer jeito", Martin Luther King, pastor protestante e ativista político americano.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Fotos de divulgação dos professores André Ferreira (de branco) e Jorge Neto (de terno preto - GPI) e sala de aula Divulgação
pedagogia reprodução internet

Comentários