'O motivo é financeiro', diz Juliana Alves sobre sua saída da Unidos da Tijuca

Atriz foi rainha de bateria da agremiação por seis anos

Por O Dia

Carnaval 2018 - Desfile das Escolas de Samba do Grupo Especial na Avenida Marques de Sapucaí. G.R.E.S.  Unidos da Tijuca. A Rainha de Bateria Juliana Alves
Carnaval 2018 - Desfile das Escolas de Samba do Grupo Especial na Avenida Marques de Sapucaí. G.R.E.S. Unidos da Tijuca. A Rainha de Bateria Juliana Alves -

Rio - Juliana Alves usou o Instagram para desabafar sobre sua saída do posto de rainha de bateria da Unidos da Tijuca. A atriz ficou no posto por seis anos e será substituída, no ano que vem, por Elaine Azevedo, que faz parte do programa "Donos da Bola", da Band. 

"O que tenho com a com Tijuca, é um valor construído ao longo de anos. Por ser tijucana, por ser sambista. Sou comunidade. Isso não têm só a ver só com o bairro onde vivemos. Tem a ver com o meu jeito de ser e meu jeito de sentir. Tem a ver com identidade. A minha alegria e meu orgulho viraram trabalho firme ao longo desses 6 carnavais. E levei o nome da nossa Escola p onde eu fosse, representando a agremiação e divulgando nosso trabalho", disse a atriz.

"Vou sentir uma saudade da troca de olhares, dos beijos nas mãos cheias de história e dos abraços na velha guarda e nossas baianas. Saudades do passo marcado e do canto forte da harmonia, da cumplicidade com as passistas, riscando o chão, dos olhos marejando a cada vez que beijava nosso pavilhão com o casal de mestre-sala e porta-bandeira", continuou. 

Juliana fez questão de reafirmar que está deixando o posto contra sua vontade. "Presidente Fernando Horta, fico com sua frase: ‘O único motivo é financeiro’. A gente discorda em algumas coisas, mas eu sigo te respeitando, te admirando pelo que fez pela nossa escola nos últimos anos e sou muito grata por ter confiado a mim essa missão tão linda. Universo tá fazendo uma manobra, mas sei e tenho fé em Deus que será revertida num bem maior. Estarei aqui na torcida e vibrarei positivamente pelo Borel e comunidade tijucana. Saio triste e contra a minha vontade, mas agora só com o tempo mesmo", completou.

Últimas de Carnaval