Mais Lidas

Postos médicos contabilizam 231 atendimentos no Sambódromo

Do total, quatro pessoas precisaram ser transferidas para hospitais e unidades de pronto atendimento da rede pública de saúde

Por O Dia

São Clemente
São Clemente -

Rio - Os postos médicos da prefeitura no Sambódromo contabilizaram, até 0h desta segunda-feira, 231 atendimentos entre público e integrantes das agremiações. Do total, quatro pessoas precisaram ser transferidas para hospitais e unidades de pronto atendimento da rede pública de saúde.

Para estes casos graves, em que os pacientes precisaram ser removidos, a estrutura especial montada pela Prefeitura conta com o apoio da Central Municipal de Regulação. Ambulâncias básicas e avançadas (com suporte de UTI) também dão apoio à operação.

Vigilância Sanitária

A Vigilância Sanitária segue atuando no Sambódromo, Terreirão do Samba e entorno. Em quatro horas de trabalho, as equipes realizaram 70 inspeções em bares, banheiros, cozinhas, camarotes e outros espaços. Com foco nas condições dos alimentos, nas atividades de beleza, nas estruturas de assistência à saúde e na higiene em geral, técnicos aplicaram 11 infrações. Uma delas foi por alimento impróprio ao consumo no restaurante Kunai, que funciona no camarote Vivant, no setor 4, resultando no descarte de seis quilos de sushi e sashimi que eram conservados a 14 graus, quando o máximo é 4 graus. As demais infrações foram por falta de higiene, falta de equipamentos de higienização como dispensadores de sabão e ausência de licenciamento sanitário.

A equipe do Laboratório Municipal de Segurança Pública (LASP) visitou cinco estabelecimentos coletando para análise amostras de saladas higienizadas, maionese de salsa, penne, ceviche, baião de dois, pasta de gorgonzola e sanduíches no setor 2. Um deles foi no Bob´s, que na noite de domingo teve a unidade do setor 8 parcialmente interditada por manter a chapa de produção de carnes próxima a uma área com fezes de pombo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários