Renascer de Jacarepaguá vai homenagear a tradição das benzedeiras

Escola terá a presença de Dona Odilia, a rezadeira mais antiga do Brasil

Por Felipe Gavinho*

Aos 96 anos, Dona Odilia, a benzedeira mais antiga do Brasil, vai estrear na Sapucaí na próxima sexta-feira
Aos 96 anos, Dona Odilia, a benzedeira mais antiga do Brasil, vai estrear na Sapucaí na próxima sexta-feira -

Abram alas! Aos 96 anos, Dona Odilia do Nascimento, a benzedeira mais antiga do Brasil, vai desfilar pela Renascer de Jacarepaguá. Na Série A, a escola irá homenagear na Marquês de Sapucaí a tradição das rezadeiras e promete apresentar no enredo história de fé e devoção.

O tema do desfile não foi escolhido de forma aleatória. Ao contrário. Segundo Ney Júnior, carnavalesco da Renascer, três pontos fundamentais pesaram na decisão. "É um enredo considerado barato, o presidente da escola já foi tratado por uma benzedeira e essa prática é bem próxima da nossa comunidade", enumera.

Cristiano Plácido, também carnavalesco da escola, lembra que não foi nada fácil encontrar Dona Odilia. "Quando decidimos que o enredo seria sobre as benzedeiras, começamos a pesquisar para tentar encontrá-las. Depois de muita procura, felizmente achamos a mais antiga do Brasil aqui no Rio de Janeiro", lembra.

Plácido também revela que, independentemente de religião e da classe social, Dona Odilia atende a todos gratuitamente e com uma humildade ímpar. "Ela não aceita dinheiro. Quando alguém é atendido e quer pagar, ela recusa. Dona Odilia aceita, no máximo, velas e fósforos como recompensa", revela o carnavalesco.

Longe de parecer que tem sua verdadeira idade, Dona Odilia mostra muita vitalidade em cada palavra e gesto. A benzedeira mais antiga do Brasil admite que ficou muito contente de ter sido convidada para desfilar pela Renascer de Jacarepaguá. "Gostei do convite. É muito legal quando as pessoas lembram da gente", emociona-se.

Segundo o carnavalesco Cristiano Plácido, Dona Odilia vai desfilar sentada em um trono no terceiro carro. O altar vermelho, na parte de trás da alegoria, vai representar a casa da benzedeira, já que sua simples residência em Engenheiro Paulo de Frontin é a única vermelha do município.

A Renascer de Jacarepaguá desfila na Sapucaí na próxima sexta-feira, 21 de fevereiro, no primeiro dia dos desfiles das escolas da Série A.

* Estagiário sob orientação de Gustavo Ribeiro 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Aos 96 anos, Dona Odilia, a benzedeira mais antiga do Brasil, vai estrear na Sapucaí na próxima sexta-feira Fábio Costa
18/02/.2020 - Rio de Janeiro - Carnaval 2020 - Escola de Samba Renascer de Jacarépaguá, traz como enredo a benzedeira mais antiga do Brasil, Dona Odilia do Nascimento de 96 anos - Foto:Fabio Costa /Agencia O Dia Fabio Costa /Agencia O Dia
18/02/.2020 - Rio de Janeiro - Carnaval 2020 - Escola de Samba Renascer de Jacarépaguá, traz como enredo a benzedeira mais antiga do Brasil, Dona Odilia do Nascimento de 96 anos na foto com os carnavalescos , Cristiano Placido e Ney Junior - Foto:Fabio Costa /Agencia O Dia FabioCosta
18/02/.2020 - Rio de Janeiro - Carnaval 2020 - Escola de Samba Renascer de Jacarépaguá, traz como enredo a benzedeira mais antiga do Brasil, Dona Odilia do Nascimento de 96 anos - Foto:Fabio Costa /Agencia O Dia FabioCosta

Comentários