Por pedro.logato

São Paulo - O ex-jogador Pedro Rocha, ídolo do São Paulo e da seleção uruguaia, morreu em casa, na noite desta segunda-feira. O craque faleceu um dia antes de completar 71 anos, vítima de atrofia do mesencéfalo que se agravou nos últimos anos. A doença degenerativa o impedia de andar e falar, além de causar dano a sua visão.

Ex-dirigente do São Paulo e atual vereador, Marco Aurélio Cunha lamentou a perda de Rocha em sua conta no Twitter, por volta das 23h50: "Lamento informar aos amantes da arte no futebol o falecimento de Pedro Rocha. Ídolo tricolor, maestro, inesquecível, nossa homenagem".

Você pode gostar