Greve pode suspender a rodada do Campeonato Brasileiro

CBF está monitorando a paralisação dos caminhoneiros e não descarta um possível adiamento dos jogos no fim de semana

Por

Paralisação de caminhoneiros na BR-101, na altura de Itaboraí: greve pode prejudicar rodada do Brasileiro
Paralisação de caminhoneiros na BR-101, na altura de Itaboraí: greve pode prejudicar rodada do Brasileiro -

Rio - A paralisação de caminhoneiros, que protestam contra o alto preço dos combustíveis em todo país, acende o sinal amarelo na CBF, que pode frear a rodada do Campeonato Brasileiro deste fim de semana. De acordo com informações do site 'Globoesporte.com', a entidade, por meio da Diretoria de Competições, informou que está acompanhando a situação e que não descarta um possível adiamento, mas, até o início da noite de ontem, as rodadas da Séries A, B, C e D estavam mantidas.

Existe o risco de os principais aeroportos do país ficarem sem combustível, impossibilitando o deslocamento das delegações, tanto das equipes quanto do quadro de arbitragem de acordo com a Infraero, estatal que administra a aviação civil, o quadro mais crítico está nos aeroportos de Brasília e Belo Horizonte (Confins). Outros serviços também seriam afetados, como transporte público e o abastecimento do comércio nos estádios.

FERJ SUSPENDE PARTIDAS

A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), por meio de nota oficial em seu site, anunciou a suspensão de suas atividades neste fim de semana por causa da greve: "A Ferj informa que todos os campeonatos organizados por ela, tanto os de base, como os de profissionais (Séries B1 e B2), terão suas rodadas adiadas neste fim de semana devido ao desabastecimento do Estado por causa da greve dos caminhoneiros".

No Rio Grande do Sul, a federação estadual de futsal também suspendeu todas as partidas que estavam previstas para acontecer entre hoje e domingo.

 

Comentários

Últimas de Esporte