Everton Ribeiro reencontra o bom futebol e assume protagonismo no Flamengo

Contratado a peso de ouro, jogador vive grande momento

Por

Everton Ribeiro, meia do Flamengo, domina a  bola durante treino no Ninho do Urubu
Everton Ribeiro, meia do Flamengo, domina a bola durante treino no Ninho do Urubu -

Rio - Everton Ribeiro assumiu o papel de protagonista do time do Flamengo. Depois de um ano, dois meses e 19 dias de clube, o meia finalmente driblou a irregularidade e reencontrou o futebol que fez o clube desembolsar R$ 22 milhões pela sua contratação, a mais cara da história rubro-negra até então. Além do bom desempenho apresentado novamente foi o melhor em campo contra o Vitória , ele tem sido decisivo. Dos 11 gols marcados pela equipe depois da Copa do Mundo, sete tiveram a participação do camisa 7.

É no talento dele que o Fla tenta acabar com a oscilação. Somente nos triunfos sobre o Botafogo, por 2 a 0, e contra o Vitória, por 1 a 0, na quinta-feira, que o jogador não participou da construção do placar.

Diante do Santos, no empate em 1 a 1, na Vila Belmiro, Bruno Henrique desviou a bola em escanteio e Everton Ribeiro a tocou um pouquinho antes que entrasse. Na súmula, no entanto, o árbitro deu gol contra do jogador do Peixe. Na goleada por 4 a 1 sobre o Sport, o camisa 7 marcou um golaço e deu o passe para Uribe deixar o seu.

Em jogada individual, no último lance da partida de ida pelas quartas de final da Copa do Brasil, contra o Grêmio, Everton Ribeiro começou a decidir a classificação. Renê recebeu livre na área e cruzou para Lincoln igualar o marcador em 1 a 1. Na partida de volta, o meia acertou chute no canto, aos 5 minutos, e garantiu a vitória por 1 a 0.

Everton Ribeiro não conseguiu evitar a derrota por 2 a 0 para o Cruzeiro, no primeiro jogo das oitavas de final da Libertadores, no Maracanã. Mas, pelo Brasileiro, novamente contra os mineiros, presenteou Henrique Dourado, que aproveitou a assistência: 1 a 0.

O meia sobe de produção quando tem a seu lado Diego e Lucas Paquetá. O técnico Mauricio Barbieri ressalta a força do trio: "Acho que somos uma das poucas equipes que joga com um só atleta defensivo no meio."

TENDÊNCIA DE TIME MISTO AMANHÃ

O técnico Mauricio Barbieri define hoje o time que enfrenta o América-MG amanhã, às 16h, no Independência, pelo Brasileiro. O treinador garante que manterá a estratégia de poupar apenas quem apresentar desgaste ou risco de lesão. Na quarta-feira, o Flamengo pega o Cruzeiro, no Mineirão, valendo vaga nas quartas de final da Libertadores os mineiros venceram no Maracanã por 2 a 0.

Contra o Atlético-PR, o misto rubro-negro levou três gols em apenas 20 minutos. Diego Alves endossa a tática de Barbieri: "Uns sentem mais, outros menos. O Mauricio é inteligente para saber o momento certo. O jogo em que não estive, não foi por poupar. Eu, Réver e Diego não tínhamos condições. Eu tentei".

Galeria de Fotos

Everton Ribeiro, meia do Flamengo, domina a bola durante treino no Ninho do Urubu Gilvan de Souza/Flamengo
Henrique Dourado, atacante do Flamengo, se prepara para cabecear a bola, durante treino no Ninho do Urubu Gilvan de Souza

Comentários

Últimas de Esporte