Tragédia familiar! Após perder pai e o tio, promessa do futebol morre por conta do coronavírus

Ele é o primeiro jogador profissional de futebol do país a morrer de Covid-19

Por O Dia

Luto
Luto -
Rio - Promessa do futebol boliviano, Deibert Frans Roman Guzman, de 25 anos, que atuava no Universad de Beni, da Bolívia, foi o primeiro jogador profissional de futebol do país a morrer por conta do coronavírus. Após dias no hospital, o atleta não resistiu.
Promessa do futebol boliviano, Deibert Frans Roman Guzman morreu por conta do vírus - Divulgação
Guzman atuava na segunda divisão do futebol local e era considerado uma das grandes promessas, passando por vários times de categoria de base e chegando a atuar na primeira divisão, pelo Nacional de Potosí.
Além de Guzman, o vírus matou o seu pai e seu tio. Belizario Roman, era ex-presidente do clube onde Guzman atuava, e Luis Carmelo Roman era gerente do Deportivo Perejique, também da segunda divisão da Bolívia.

Galeria de Fotos

Luto Reprodução
Promessa do futebol boliviano, Deibert Frans Roman Guzman morreu por conta do vírus Divulgação

Comentários