Narrador da Globo demonstra preocupação em volta do Carioca: 'Forçação de barra'

Luís Roberto afirmou que a volta do Campeonato Carioca é uma precipitação

Por O Dia

Narrador Luis Roberto, do Grupo Globo
Narrador Luis Roberto, do Grupo Globo -
Rio - Luís Roberto de Múcio, renomado jornalista e narrador esportivo foi o convidado desta quarta-feira (17) do “Papo de Rainha”, comandado pela também jornalista e rainha de bateria da escola de samba Beija-Flor de Nilopólis, Raissa de Oliveira.
Recebido na live com o Hino do Flamengo (mesmo sem revelar seu time de coração), Luís Roberto quando questionado sobre a volta do campeonato de futebol no Rio demonstrou preocupação e chegou a se emocionar.
"Eu acho que é uma forçação de barra em relação à pandemia. Na Europa os caras voltaram a jogar 70 dias depois do pico. Ou seja, quando os casos começaram a cair, as mortes. Depois deste pico o futebol voltou na Europa. Hoje foi registrado o maior número de mortos de novo, o segundo maior número de todas as medições no Brasil. A gente está voltando no caso do Rio 15 dias depois, é muito pouco!", prosseguiu.
"Eu acho que é uma precipitação! O campeonato carioca pode ter no máximo daqui para frente seis datas, faltam duas para terminar a classificação da Taça Rio, depois a gente tem a semifinal e a final da Taça Rio. Se o Flamengo ganhar a Taça Rio e somar dois pontos a mais do que o Fluminense não tem final, acaba o campeonato e o Flamengo já será o campeão. Para o Flamengo não ser campeão e a gente ter mais duas datas, aí seis ao invés de quatro, um outro time tem que ganhar a Taça Rio", concluiu.
A partida entre Flamengo e Bangu marca a volta do futebol no Rio de Janeiro e está marcado para às 21h desta quinta-feira, no Maracanã. Líder do grupo A, o Rubro-Negro precisa da vitória para garantir a classificação para semifinal. Em terceiro lugar e ainda sonha com a vaga.

Comentários