Botafogo derrota o Cuiabá e se classifica na Copa do Brasil

Erik marcou duas vezes na vitória do clube carioca

Por O Dia

Botafogo venceu e se classificou
Botafogo venceu e se classificou -

Rio - Não se engane com a goleada. O Botafogo meteu 3 a 0 no Cuiabá, ontem, no Estádio Nilton Santos, e avançou à terceira fase da Copa do Brasil. Apesar do marcador amplo, o Glorioso sofreu muito antes de construir o resultado. Erik, duas vezes, e Rodrigo Pimpão, marcaram os gols da partida. O próximo adversário na competição sairá do vencedor entre Juventude e América Mineiro, que irão medir forças, em Caxias do Sul.

Embaixo de uma forte chuva que atingiu a região do Niltão, o Glorioso passou por muitos problemas durante 20 minutos com a ousadia dos visitantes. A rapaziada comandada pelo técnico Zé Ricardo deu muito espaço e não soube como anular as descidas em velocidade do Cuiabá, principalmente pelo lado direito. Entre uma investida e outra do adversário, aos 12 minutos, o zagueirão Marcelo fez uma jogada de atacante e quase abriu os trabalhos, mas o goleiro Victor Souza defendeu.

Sem o volante Jean, que ontem começou no banco questões táticas, o Fogão perdeu poder de marcação, mas ganhou no toque e na saída de bola com Gustavo Bochecha. O que pareceu irritar Zé Ricardo era a 'sonolência' de Bochecha no meio, que não se apresentava quando o time tentava ir para o ataque. Depois que equilibrou as ações, aos 44, Leo Valencia cruzou rasteiro pela direita e Erik, no meio da área, conferiu: 1 a 0.

CÍCERO ESTREIA
A etapa complementar seguiu complicada para o Botafogo. O Cuiabá, pressionado pela desvantagem, foi para cima e perdeu três grandes chances para empatar. Só que como dizia o técnico Muricy Ramalho, a bola pune. Aos 26, após contra-ataque iniciado pelo estreante Cícero, Kieza entrou na área e rolou para Rodrigo Pimpão ampliar e aliviar a tensão no Nilton Santos.

Com a vaga assegurada, os visitantes perderam o tesão de vez. Aos 34, Pimpão foi puxado na área. Pênalti, que Erik, dois minutos depois, cobrou no alto: 3 a 0. Foi o 11º gol do camisa 11 em 26 compromissos pelo Alvinegro, o sexto em 2019.

Antes do apito final, Pimpão tentou um toque de calcanhar e irritou o zagueiro Douglas Mendes, que deu uma peitada no camisa 7 e acabou expulso. "As coisas estão acontecendo de uma maneira muito boa. Eu estou muito feliz por tudo. Agora é descansar, pois temos outra partida difícil no sábado", disse Erik, o melhor em campo, referindo-se ao jogo contra o Volta Redonda, em Volta Redonda, pela 2ª rodada da Taça Rio.

Comentários