Botafogo consegue prorrogação da concessão do Nilton Santos até abril de 2031

Assinatura do novo vínculo deve ser feita em breve

Por Lance

Estádio Nilton Santos
Estádio Nilton Santos -
Rio - Dentro de campo, a equipe do Botafogo pode ter ficado no empate com a Chapecoense, mas o clube conseguiu uma grande conquista fora das quatro linhas. Antes da bola rolar para a partida contra a equipe catarinense, na última segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro, o departamento jurídico conseguiu, junto à Prefeitura do Rio de Janeiro, a prorrogação da concessão do Estádio Nilton Santos por mais três anos e oito meses.

Desta forma, o Botafogo renovou a concessão para utilizar a arena até abril de 2031. Inicialmente, este contrato teria fim até 2027. O Glorioso alegou o pedido de prorrogação baseado no tempo que o Estádio Nilton Santos ficou inativo por conta das obras para os Jogos Olímpicos, realizados em 2016, na Cidade Maravilhosa. A notícia foi dada primeiramente pelo "Globo Esporte".

"Já era de se esperar. Nós pedimos isso ao prefeito Marcelo Crivella, entramos com um ofício pedindo a ele essa prorrogação de mais três anos e oito meses. Era necessário para que tivéssemos justiça pela não utilização do estádio. Depois de correr os trâmites normalmente na prefeitura esse tempo foi concedido", afirmou Nelson Mufarrej, presidente do Botafogo, de forma exclusiva para o LANCE!.

O Botafogo não pôde utilizar o estádio por conta de reformas do dia 23 de março de 2013 ao dia 14 de novembro de 2016. O departamento jurídico fez o pedido de renovação baseado em uma relação de compensação pelo tempo que o Nilton Santos ficou parado e foi prontamente atendido.
"Foi o período exatamente da reforma e da Olimpíada. Nós pedimos a volta desse prazo para ser acrescentado, já que nós não usamos o estádio. Foi uma compensação. Mostramos a negociação ao prefeito, que entendeu toda a secretaria de patrimônio, todos os documentos comprovam que nosso pedido procedia. Foi concedido mais três anos e oito meses", completou Mufarrej.

Com toda a papelada já confirmada, o presidente Nelson Mufarrej afirmou que possui o desejo de assinar o novo contrato ao lado de Marcelo Crivella. A assinatura depende da agenda do prefeito do Rio de Janeiro, mas não deve demorar a acontecer.

"A assinatura vai acontecer ainda essa semana. Quero fazer isso ao lado do prefeito e do secretário. Pode ser aqui no Nilton Santos, General Severiano ou até no Palácio Guanabara", finalizou o presidente do Glorioso.

Comentários