Botafogo em busca de alívio hoje diante do lanterna

Rodada ajuda, e time precisa de um empate com o Avaí para deixar o Z-4

Por O Dia

Pressionado no cargo, o técnico Alberto Valentim precisa conduzir o Botafogo à vitória sobre o Avaí
Pressionado no cargo, o técnico Alberto Valentim precisa conduzir o Botafogo à vitória sobre o Avaí -

Rio - O Botafogo não tem mais margem para errar no Campeonato Brasileiro. Vindo de quatro derrotas consecutivas e muito pressionado, com apenas duas vitórias em 12 jogos no returno, o Alvinegro enfrenta o Avaí, lanterna da competição, hoje, às 20h, no Estádio Nilton Santos, com o objetivo de deixar a zona de rebaixamento. 

Para estimular a presença da torcida, a diretoria fez nova promoção de ingressos, com preços a partir de R$ 5, a meia-entrada, no setor Leste Superior. Mulheres não pagam.

Com os tropeços de adversários diretos ontem, um triunfo diante dos catarinenses dará mais fôlego na corrida contra a degola, além de melhorar o clima em General Severiano — até o empate tira o Alvinegro do Z-4.

Sem poder contar com nenhum lateral direito de origem (Marcinho está lesionado e Fernando cumpre suspensão pelo terceiro cartão amarelo), o técnico Alberto Valentim será obrigado a improvisar na posição e optou pela escalação do jovem volante Rickson, de 21 anos.

Outra mudança forçada será o retorno do atacante Diego Souza ao time titular. Barrado há duas rodadas, ele ocupará a vaga de Luiz Fernando, expulso contra o Flamengo, na semana passada, na derrota por 1 a 0, no Niltão.

"Estamos em uma situação que não é boa e estamos trabalhando muito para sair dela. O elenco está firme, com todos comprometidos para ajudar um ao outro", afirmou o meia Leo Valencia, titular sob o comando de Valentim.

"Estamos confiantes de que vamos tirar o time dessa situação. Em casa, temos que ganhar. Mas precisamos jogar com inteligência. Vamos dar a vida porque não podemos mais perder pontos em casa", destacou o apoiador chileno.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários