Intensidade, a arma de Valentim para vencer

Glorioso acumula seis derrotas consecutivas como visitante e vai encarar o Athletico-PR, amanhã, na Arena da Baixada

Por MH

Valentim durante coletiva no Botafogo, nesta sexta-feira
Valentim durante coletiva no Botafogo, nesta sexta-feira -

Na estratégia do técnico Alberto Valentim, o Botafogo terá mais condições de vencer o Athletico-PR, amanhã, às 18h, na Arena da Baixada, se trocar a palavra qualidade por quantidade. É que, segundo avaliação do comandante alvinegro, a equipe precisa fazer valer a sua intensidade contra um adversário muito forte dentro de seus domínios.

Atual 14º colocado, com 36 pontos conquistados, o Botafogo vem de seis derrotas consecutivas na condição de visitante no Campeonato Brasileiro. Caiu diante de Bahia (2 a 0), Fortaleza (1 a 0), Palmeiras (1 a 0), Vasco (2 a 1), Grêmio (3 a 0) e Santos (4 a 1). Um retrospecto muito ruim e preocupante.

"Quero que a equipe faça uma partida de muita quantidade. É um termo que tenho usado para os jogadores. Muita quantidade, aliada à nossa qualidade técnica de definir bem e às nossas tomadas de decisões, que são muito importantes, principalmente nesse último terço do campo. Isso é algo que tenho cobrado deles nesta semana cheia, depois de muito tempo", afirmou Alberto Valentim.

PROBLEMA NA LATERAL

Para encarar o Furacão em Curitiba, o Botafogo não poderá contar com seus dois laterais-esquerdos mais utilizados no momento. Enquanto o titular Gilson se recupera de uma lesão muscular, o reserva Yuri está suspenso pelo terceiro cartão amarelo. Com isso, Lucas Barros ganha nova oportunidade na equipe alvinegra. Quem está de volta é o atacante Luiz Fernando, que cumpriu suspensão pela expulsão na derrota por 1 a 0 no clássico com o Flamengo e não esteve em campo na vitória por 2 a 0 sobre o Avaí.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários