Alvinegro amplia o contrato do zagueiro Carli

Argentino alcança metas estabelecidas no vínculo atual e terá o compromisso estendido até dezembro de 2021

Por MH

Carli
Carli -

Voz mais ativa do atual grupo do Botafogo, o zagueiro Joel Carli terá mais tempo para viver dias melhores em General Severiano. Aos 33 anos, o argentino ampliará seu vínculo até dezembro de 2021. O atual se encerra no fim da próxima temporada. A renovação contratual é automática, uma vez que o jogador atingiu a meta estipulada no vínculo vigente: participar de 60% das partidas disputadas pela equipe na Copa Sul-Americana e na Série A.

Depois de ajudar o Glorioso a se livrar do risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro, o zagueiro, antes titular incontestável, agora enfrenta a pesada concorrência de Marcelo Benevenuto.

No entanto, caso se concretize a saída de Gabriel, que pode retornar ao Atlético-MG já em janeiro, Carli tem boas chances de seguir na equipe principal pelo menos até o fim do primeiro semestre.

O defensor, que chegou à marca contratual no mês passado, entrou em campo 25 vezes pela competição nacional e quatro pela continental. O número de partidas do argentino (29 em 44 possíveis) corresponde a 65% do total. Carli é o segundo jogador com mais partidas no atual grupo do Alvinegro. São 149 jogos e seis gols. Um deles garantiu a disputa de pênaltis que valeu o título carioca de 2018.

Em General Severiano desde 2016, quando veio do modesto Quilmes, da Argentina, o zagueiro logo caiu nas graças da torcida por causa das atuações seguras. Carli já declarou que pretende encerrar a carreira com a camisa do Glorioso.

Lucas Campos é o próximo

Quem está com a situação bem encaminhada para permanecer é o atacante Lucas Campos, cria das divisões de base e que encerrará seu vínculo no fim do mês. O jogador atuou em 19 compromissos na atual temporada, sem balançar as redes. Com o técnico Alberto Valentim, o camisa 21 recebeu algumas oportunidades, mas agora tem ficado como opção no banco de reservas.

Luiz Henrique será titular

Destaque do Botafogo na derrota para o Atlético-MG por 2 a 0, no Mineirão, na rodada passada, o atacante Luis Henrique, de 17 anos, ganhará contra o Ceará, domingo, no Nilton Santos, a sua primeira oportunidade como titular nos profissionais. O jogador, que é uma das grandes promessas da base alvinegra, vai entrar na vaga de Diego Souza ou de Luiz Fernando, ambos suspensos pelo terceiro cartão amarelo, assim como o volante Cícero.

Essa última rodada do Brasileirão poderá garantir o Glorioso na Copa Sul-Americana de 2020. Para isso, a equipe precisa vencer o Ceará e torcer para que o Fluminense empate com o Corinthians, também no domingo, às 16h, no Itaquerão. Se empatar, o Botafogo fica com a vaga, desde que o Tricolor das Laranjeiras perca para o Timão, já que leva vantagem no número de vitórias, primeiro critério de desempate na classificação.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Carli VITOR SILVA/BOTAFOGO
O argentino Joel Carli tem chance de reaparecer entre os titulares do Botafogo Vitor Silva/Botafogo

Comentários