Botafogo admite dificuldades mas nega paralisação de projeto S/A

Montenegro afirmou que clube carioca precisa captar mais R$ 60 milhões

Por O Dia

Marquinhos festeja primeiro gol
Marquinhos festeja primeiro gol -
Rio - O Botafogo se pronunciou por meio do seu site oficial, após ter sido ventilada a informação de que o clube carioca teria paralisado o projeto da S/A. Apesar de admitir que o processo vem passando por dificuldades, o Glorioso afirmou que permanece buscando o acordo.
LEIA MAIS NOTÍCIAS DO BOTAFOGO

Em contato com o site “Fogo na Rede”, o integrante do comitê de transição, Carlos Augusto Montenegro, afirmou que existe dificuldades, mas manteve o otimismo em relação ao projeto.

"Estamos em campanha eleitoral. Uns querem, outros não. Que está mais lento conseguir investidores está. Mas não parou nunca. Faltam 60 milhões. Por exemplo, S/A não agrada a CBF nem as Federações. Se der tudo errado, que não acredito, ainda tem Recuperação Judicial. Temos que ter calma, torcer e rezar", disse.

Confira a nota oficial divulgada pelo Botafogo:
1. Em continuidade ao projeto de separação do futebol das demais áreas do clube previamente anunciado, o Botafogo de Futebol e Regatas comunica que após a aprovação desta iniciativa por unanimidade no Conselho Deliberativo foi iniciado um processo de captação de recursos junto a investidores profissionais por uma empresa especializada contratada para este fim.

2. Em fase avançada no processo de captação, iniciou-se nos primeiros meses de 2020 uma crise sanitária sem precedentes na história recente da humanidade. Rapidamente, o projeto de investimentos foi reformatado, bem como sua estratégia de curto prazo, projeto este que, mesmo neste delicado cenário mundial, atraiu relevante interesse de investidores nacionais e internacionais.

3. Embora alcançado um volume expressivo de recursos, este ainda é insuficiente para iniciar e conduzir um processo de reestruturação à altura da expectativa de sua imensa torcida e conforme projetado. As condições de mercado se deterioraram consideravelmente nas últimas semanas, principalmente para processos de captação de recursos no setor de entretenimento de massa. (1) Números piores do que esperado na Europa referentes à Covid-19, (2) incertezas quanto às eleições nos Estados Unidos e (3) temores quanto às condições fiscais no ambiente doméstico são exemplos de desafios importantes que criam um ambiente de significativa incerteza no momento.

4. Este cenário adverso impõe a necessidade de uma comunicação clara e objetiva a todos os envolvidos e interessados, dado que o reconhecimento destas condições impede uma conclusão desta iniciativa no curto prazo como esperado.

5. Cabe ressaltar o empenho de todos os executivos envolvidos que, pro bono e com absoluto empenho, se dedicam de forma integral a esta iniciativa. Liderança e contribuição que serão fundamentais na continuidade do projeto.

6. Ao contrário do que havia sido noticiado, não houve novas exigências de fundo e não foram manifestadas incertezas quanto à performance do time em campo.

7. O Botafogo, através do Comitê de Transição da S/A, segue empenhado na realização e conclusão do projeto, e entende que oscilações em processos dessa grandeza são normais. O projeto segue em andamento.

8. É importante compartilhar que, após a aprovação pelo Conselho Deliberativo, outras iniciativas na mesma direção se apresentaram e o Clube as acompanha atentamente.

Galeria de Fotos

Marquinhos festeja primeiro gol AFP
Dirigente do Botafogo, Carlos Augusto Montenegro Vitor Silva/Botafogo

Comentários