Autor do gol da vitória do Fluminense, Marcos Paulo diz: 'O mais importante e o mais bonito'

Atacante reiterou que não cruzou e fala também em retribuir o carinho do torcedor, se tornando ídolo e conquistando títulos pelo Tricolor; confira:

Por Lance

O jovem atacante Marcos Paulo decidiu o jogo para o time tricolor, marcando um golaço no primeiro tempo
O jovem atacante Marcos Paulo decidiu o jogo para o time tricolor, marcando um golaço no primeiro tempo -
Rio - Feliz da vida e de bom humor, Marcos Paulo foi só felicidade nesta sexta-feira. O atacante concedeu entrevista coletiva após ter sido o herói da vitória sobre o Palmeiras, ao marcar o gol solitário que garantiu os três pontos para o Tricolor. Na avalição do próprio jogador, um gol muito especial.

"Foi o mais importante e o mais bonito. Fiquei feliz por ajudar o time. Vou descansar, trabalhar mais e tentar mais um gol no próximo jogo."

Titular desde o empate contra a Chapecoense, Marcos Paulo vem se destacando como artilheiro do Fluminense. Afinal de contas, fez três gols no período, superando todos os companheiros nesta sequência.O atacante valorizou o fato de ter afastado ainda mais o Tricolor do Z4.

"Foi um gol muito importante. Ainda mais com a festa que foi no Maracanã. O grupo fez um excelente jogo e foi premiado com a vitória. Nos afastamos daquela zona que é muito chata. Fazer um gol decisivo é muito gratificante. Fiquei muito feliz."

Cria de Xerém, Marcos Paulo foi muito celebrado pelos torcedores, que fizeram uma festa linda no Maracanã. Para o jogador, a meta é se tornar ídolo do clube, dando ainda mais alegria para os tricolores.

"Gostei muito da festa da torcida, fiquei feliz. Eles dão esse carinho desde a base. Quando gritaram meu nome foi muito emocionante. Quero ser ídolo do Fluminense. Todo mundo que sai de Xerém pensa isso, em jogar, ganhar títulos, fazer história com a camisa do Fluminense.

BATE-BOLA COM MARCOS PAULO


Cruzou ou chutou?

"Quase que me convenceram (risos). Até fui ver o vídeo depois, porque eles ficaram me zoando no vestiário. Pensei: "não é possível, será que alguém está entrando ali no segundo pau". Depois que vi o vídeo ficou ainda mais nítido que eu fui para fazer o gol. Tenho gol assim na base, tentei contra o São Paulo. Não tem nem discussão que eu fui para colocar a bola no gol, mas isso é resenha de vestiário. Mostra que o ambiente aqui é muito bom."

Qual é a expectativa para o jogo contra o Avaí?
"É mais uma partida importante. Não tem bobo no futebol, independentemente da posição em que estão. Vão jogar na casa deles e precisamos de mais alguns pontos para nos livrar de vez daquela zona. Vamos estudar bastante o time deles para jogar bem e sair com a vitória."

Já decidiu se vai defender a Seleção do Brasil ou de Portugal?
"Ainda não. Na última de Portugal recusei porque quis ficar para ajudar o Fluminense, mas ainda não decidi. Vou pensar nisso com calma junto da minha família e dos meus empresários. No futuro vou fazer essa escolha."
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários