Marcão lamenta o empate cedido pelo Fluminense no fim: 'estava um jogo controlado'

O técnico tricolor aprovou a atuação no primeiro-tempo, mas lamenta ter dado espaço para o Avaí gostar do jogo e alcançar o empate

Por Lance

Marcão
Marcão -
Santa Catarina - O Fluminense enfrentou o Avaí no estádio da Ressacada neste domingo e o empate trouxe muitas cobranças para o técnico Marcão, especialmente por entrar em campo usando três volantes contra o lanterna do campeonato, que já não está brigando por mais nada na competição.

Questionado sobre a formação do time com três volantes, Marcão deu a entender que Dodi entrou em campo com mais responsabilidades de chegar na frente que os outros dois marcadores: "A gente vinha jogando com dois homens mais criativos, o Paulo e o Daniel, que têm muita importância. O Dodi cumpriu bem a função, mas é um estilo um pouco diferente. Ele cumpriu o que foi pedido", afirmou Marcão em coletiva após a partida.

O treinador aprovou a forma que o Fluminense se impôs na primeira etapa da partida: "Conseguimos controlar o jogo no primeiro tempo. Em um jogo como esse, você tem que criar bastante. Depois, quando faz o gol, tem que pensar na melhor situação. Estava um jogo bem controlado, mas não fomos além disso", completou Marcão.

O Fluminense ainda pode se livrar totalmente das chances de rebaixamento antes de entrar em campo contra o Fortaleza na próxima quarta-feira, mas para isso depende do Cruzeiro perder para o Vasco na segunda.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários