Diretoria tenta definir nome de técnico

Tricolor estuda opções que se encaixem à realidade do clube

Por O Dia

Ex-Botafogo e Atlético-GO, Eduardo Barroca pode pintar no Flu
Ex-Botafogo e Atlético-GO, Eduardo Barroca pode pintar no Flu -

Em meio às tentativas de renovações de peças importantes do elenco, a diretoria do Fluminense tenta definir nesta semana o nome do novo técnico para agilizar o planejamento para 2020. Nomes já estão sendo analisados e, apesar da campanha da torcida na internet, um profissional estrangeiro não é opção no momento. 

Eduardo Barroca é o nome que desponta para 2020. Ele chegou a ser procurado por pessoas de dentro do clube, mas não ainda houve proposta. Além de já ter trabalhado nas divisões de base tricolores, o treinador que estava no Atlético-GO tem boa relação com o diretor de futebol, Paulo Angioni. Entretanto, outro clube da Série A já mostrou interesse em contratá-lo.

A situação financeira delicada é uma das preocupações da diretoria para não contratar um estrangeiro que não conhece bem o clube. O argentino Ariel Holan foi oferecido e recebeu o apoio dos torcedores. Nesta semana, o vice-geral, Celso Barros, fez campanha pelo profissional.

Inclusive, foi Celso quem teve a primeira conversa com Holan, antes de Marcão ser efetivado. O dirigente segue afastado desde a briga com o presidente, Mário Bittencourt, e não deve continuar acumulando a função de vice de futebol em 2020.

O entendimento dos dirigentes do Fluminense é de que um técnico brasileiro se encaixa melhor no atual momento. Outro nome que chegou a ser levantado é o de Odair Hellmann, que já jogou no clube. Entretanto, não gerou muita animação.

Em relação a Marcão, o futuro dele só será definido após o dia 18, quando retorna de Teresópolis, onde faz o curso da CBF para pegar a licença PRO de treinador. Mas a tendência é que permaneça em 2020 como auxiliar.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários