Luccas Claro (C) é abraçado na comemoração do primeiro gol tricolor
 - Daniel Castelo Branco
Luccas Claro (C) é abraçado na comemoração do primeiro gol tricolor Daniel Castelo Branco
Por O Dia
Muriel - Poderia ser mais rápido no gol do Santos e mostrou insegurança - Nota 4,5
Igor Julião - Muita disposição, mas acertou pouco - Nota 5
Publicidade
Nino - Falhou no gol do Santos, mas se redimiu - Nota 6,5
Luccas Claro - Retornou bem e ainda marcou na vitória - Nota 7
Publicidade
Danilo Barcelos - Bastante firme e participativo no ataque - Nota 6
Hudson - Apareceu bem no ataque em alguns momentos. Poderia ter sido expulso - Nota 5,5
Publicidade
Dodi - Motorzinho do meio-campo, mostrou a regularidade de sempre. Nota 6
Nenê - Fazia uma partida discreta até se lesionar. Nota 5
Publicidade
Marcos Paulo - Apesar de alguns exageros, teve uma atuação mais inspirada e foi premiado com um gol. Nota 7
Michel Araújo - Voltou em um ritmo inferior devido ao tempo afastado, mas evoluiu no segundo tempo. Nota 6
Publicidade
Caio Paulista - Muita vontade, mas faltou a qualidade. Nota 5
Ganso - Entrou para dar mais qualidade ao meio-campo e segurar o jogo. Foi bem sucedido em parte. Nota 5,5
Publicidade
Fred - Mostrou muita vontade durante todo o jogo, mas perdeu uma chance incrível. Nota 5,5
Yuri - Entrou no fim e não teve tempo. Sem Nota.

Odair Hellmann - Armou a equipe de forma ofensiva e tirando os últimos 15 minutos do primeiro tempo dominou completamente a partida. Nota 7.