Atlético-MG é o 11º clube brasileiro a ser eliminado na fase de grupos da Libertadores no século XXI

Por mais que um jogo

Libertadores
Libertadores -

O Atlético-MG entrou para uma lista indesejável: a de brasileiros eliminados na fase de grupos da Libertadores no século XXI. O clube mineiro perdeu para o Nacional, no Mineirão, e está matematicamente sem chances de avançar para as oitavas de final do torneio. O Galo é o 11º time do país a cair nesta fase do torneio de 2001 para cá.

Ao todo, o futebol brasileiro amargou 15 eliminações na fase de grupos da Libertadores no século XXI. O Flamengo é o recordista, com quatro quedas. O Athletico Paranense parou na fase de grupos duas vezes.

Em 2014, o futebol brasileiro viu três clubes do país caírem na fase de grupos: Athletico Paranaense, Botafogo e Flamengo.

Os clubes brasileiros eliminados na fase de grupos da Libertadores no século XXI

Athletico Paranaense – 2002

Ficou em último lugar do grupo, com 5 pontos, atrás de Bolívar, Olmedo e América de Cali.

Flamengo – 2002

O Rubro-Negro fez apenas quatro pontos no grupo, sendo lanterna. Ficou atrás de Once Caldas, Universidad Católica e Olimpia.

Coritiba – 2004

O Coxa fez oito pontos e ficou na terceira colocação, atrás de Rosario e Sporting Cristal.

Santo André – 2005

Campeão da Copa do Brasil de 2004, o Santo André caiu na fase de grupos da Libertadores de 2005. Ficou em terceiro lugar, com oito pontos, atrás de Palmeiras e Cerro Porteño.

Paulista – 2006

Campeão da Copa do Brasil de 2005, caiu na fase de grupos da Libertadores de 2006. O Paulista ficou em último lugar da chave, atrás do El Nacional, do Equador, River Plate e Libertad.

Internacional – 2007

O Colorado foi eliminado na fase de grupos na terceira colocação no critério de desempate – por ter saldo de gols menor em relação ao Nacional. O Vélez Sarsfield ficou com a 1ª colocação do grupo.

Flamengo – 2012

Com requinte de crueldade, o Rubro-Negro caiu na fase de grupos, com a terceira colocação da chave. O Emelec venceu o Olimpia nos acréscimos e se classificou, ao lado do Lanús.

Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem / Divulgação

Athletico Paranense – 2014

O Furacão ficou com terceiro lugar, atrás do The Strongest e do Vélez Sarsfield.

Botafogo – 2014

O Fogão perdeu para o San Lorenzo na última rodada e também caiu na fase de grupos da edição de 2014. O clube argentino e o Unión Española avançaram.

Flamengo – 2014

O Rubro-Negro perdeu no Maracanã para o León, do México, na última rodada, e foi outro clube brasileiro a ser eliminado na fase de grupos em 2014. O clube mexicano e o Bolívar se classificaram para as oitavas de final.

Foto: Alexandre Vidal / Fla Imagem / Divulgação

Palmeiras – 2016

O Verdão foi eliminado na fase de grupos, ao ficar atrás do Nacional e do Rosario Central.

Foto: Cesar Greco / Agência Palmeiras / Divulgação

Flamengo – 2017

O Rubro-Negro precisava do empate na última rodada, mas perdeu para o San Lorenzo e caiu na primeira fase. O clube argentino e o Ahletico Paranense avançaram às oitavas de final.

Foto: Gilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

Chapecoense – 2017

A Chape também caiu na primeira fase em 2017. O clube catarinense foi punido devido à escalação irregular do zagueiro Luiz Otávio. Desta forma, viu Lanús e Nacional avançarem.

Foto: Divulgação

Vasco – 2018

O clube carioca foi eliminado logo na primeira fase – foi goleado por Cruzeiro e Racing, clubes que avançaram para as oitavas de final.

Foto: Paulo Fernandes / Vasco.com.br / Divulgação

Atlético-MG – 2019

O Galo tem apenas três pontos – venceu só o Zamora no grupo. Cerro Porteño e Nacional já garantiram a classificação para as oitavas de final da Libertadores.

Foto: Bruno Cantini / Atlético / Divulgação

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia