Mais Lidas

Confira as notas do Vasco no clássico desta quarta-feira

Por

Clássico terminou sem gols
Clássico terminou sem gols -

MARTÍN SILVA: Não teve muito trabalho, mas fechou bem o ângulo na melhor chance do Fluminense no jogo. NOTA 6,5

PAULÃO: Foi muito bem no mano a mano e ainda ajudou demais nas saídas de bola. NOTA 6

ERAZO: Lutou muito, mas foi mal no jogo aéreo, não tocou na bola nenhuma vez pelo alto. NOTA 4,5

WERLEY: Levou a melhor nos desarmes, mas também falhou nas bolas aéreas. NOTA 5,5

PAULINHO: Entrou para dar mais gás ao ataque e pouco fez. NOTA 5,5

YAGO PIKACHU: Sofreu para marcar as investidas de Ayrton e também levou a pior no ataque. NOTA 5

DESÁBATO: Não teve eficiência habitual nos desarmes e pouco acrescentou com a bola. NOTA 5

WELLINGTON: Ficou mais preso à marcação, por causa do novo esquema tático, mas sem comprometer. NOTA 5,5

WAGNER: Lento quando tinha a bola, arriscou alguns lançamentos, mas sem sucesso. NOTA 5

THIAGO GALHARDO: Exigiu boa defesa de Júlio César logo que entrou. No mais, pouco fez. NOTA 6

HENRIQUE: Pouco participativo no apoio, cumpriu bem seu papel defensivo. NOTA 5,5

RILDO: Tentou jogadas em velocidade, mas foi inofensivo. Perdeu chance inacreditável de gol, após bom passe de Riascos. NOTA 4,5

ANDRÉS RÍOS: Entrou no fim, mas lutou. NOTA 3

RIASCOS: Criou as melhores chances do Vasco no jogo. Em uma delas, deixou Rildo na cara do gol. NOTA 6,5

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários