Valdir Bigode aposta na segurança para o Vasco voltar a vencer

Mesmo jogando em casa, técnico interino mantém três volantes contra a Chapecoense em busca da reabilitação no Brasileiro

Por O Dia

Valdir
Valdir -

Rio - Sem vencer há cinco rodadas no Campeonato Brasileiro e tendo marcado apenas um gol nos últimos três jogos, o Vasco deve repetir a escalação com três volantes para a partida contra a Chapecoense, hoje, às 19h em São Januário. Recheado de desfalques, o técnico interino Valdir Bigode preferiu manter a formação que se mostrou segura fora de casa no 0 a 0 com o Atlético-MG e seguirá apostando em três jogadores menos badalados que deram mais força defensiva: Lenon, Luiz Gustavo e Raul.

"Acho que fiz uma boa estreia como titular. Estava um tempo sem jogar, então fui dosando na medida do possível. É duro voltar de lesão e pegar uma partida pesada assim, mas me empenhei bastante para contribuir com o time no sistema de marcação. Aos pouquinhos, com o tempo, vou adquirindo ritmo de jogo para atingir meus objetivos", comemorou Lenon.

Os três foram apostas de Valdir para compensar os muitos desfalques na quinta-feira. Apenas Luiz Gustavo já vinha sendo titular, mas acabou improvisado na zaga, assim como Lenon na lateral e Raul no meio.

"Acho que tive uma boa atuação, não só eu como toda a equipe. O pessoal do meio nos deu apoio na marcação para segurarmos o melhor ataque do campeonato. Só aumenta minha responsabilidade para os próximos jogos", afirmou Luiz Gustavo.

A nova oportunidade do trio se dá por causa dos oito desfalques do Vasco. Thiago Galhardo e Giovanni Augusto seguem vetados, apesar de terem participado de parte do treino de ontem, e se juntam a Ramon, Breno, Werley, Henríquez, Rildo e Leandro Castán como desfalques.

"Foram os meus primeiros 90 minutos na equipe titular e quero dar sequência para ajudar a equipe ainda mais daqui para frente", disse Raul.

Comentários