Em crise, Vasco tem dia tenso com protesto na Colina e chegada da delegação no Rio

Cruzmaltino está próximo da zona de rebaixamento

Por O Dia

Protesto da torcida do Vasco em São Januário
Protesto da torcida do Vasco em São Januário -

Rio - O dia foi bastante tenso em São Januário. Após mais uma derrota do Vasco no Brasileiro, torcedores fizeram um protesto em São Januário. Depois, na chegada ao Rio de Janeiro, os torcedores deixaram o aeroporto por uma saída alternativa para evitar o encontro com a torcida.

O protesto na Colina foi com direito a ovos e garrafas na fachada do clube. Além disso, frases pedindo a saída do presidente, Alexandre Campello, e o do presidente do Conselho Deliberativo, Roberto Monteiro foram pichadas. A polícia deu tiros de balas de borracha para afastar o grupo.

 

O grupo de torcedores foi até o aeroporto esperar o desembarque do time, se dirigiu a São Januário na sequência. A delegação utilizou uma saída alternativa para fugir do encontro.

Com o resultado negativo em Salvador, Vasco somou a quarta derrota seguida no Brasileirão. A equipe está com 24 pontos e na 16ª colocação, bem perto da zona de rebaixamento.