Bruno Gomes testa positivo para covid-19 e desfalca o Vasco

Titular no empate com o Grêmio, volante é 21º atleta do clube diagnosticado com o novo coronavírus

Por MARCELO BERTOLDO

Ao lado de Gabriel Pec e Bruno Gomes, à direita, é desfalque contra o Goiás
Ao lado de Gabriel Pec e Bruno Gomes, à direita, é desfalque contra o Goiás -
Rio - Ramon Menezes perdeu uma importante peça para o duelo com o Goiás, nesta quarta-feira, às 21h30, no Serrinha, pela Copa do Brasil: Bruno Gomes. O volante testou positivo para o novo coronavírus e foi cortado da delegação que embarcou esta tarde para Goiânia. Titular no empate com o Grêmio, domingo, pelo Brasileiro, o camisa 18 abre uma vaga no meio de campo.
Com o desfalque, o comandante cruzmaltino pode abrir mão do esquema com três volantes. Improvisado mais à frente, Martín Benítez pode voltar à posição de origem. Outra opção para a armação é Bruno César. Coincidentemente, o meia-atacante também se recuperou de um quadro de covid-19 e estreou no Brasileiro no último domingo. Bruno Gomes ficará pelo menos dez dias afastado, de acordo com o protocolo.
O lateral-direito Cláudio Winck aumenta a lista de baixas em Goiânia. Com uma lesão na coxa direita, ele iniciou o tratamento, mas deve ficar pelo menos uma semana fora de combate. Cayo Tenório herda a vaga, com a sombra de Yago Pikachu. Recuperado de uma lesão muscular, o lateral será opção no banco de reservas.

Comentários