Com 'alunos' disciplinados, Gigante segue firme no G-4

Boa fase é reflexo do entendimento do trabalho de Ramon Menezes e substitutos têm cumprido a função dos titulares

Por MARCELO BERTOLDO

Detalhista, Ramon elogia manutenção do padrão tático em meio aos desfalques
Detalhista, Ramon elogia manutenção do padrão tático em meio aos desfalques -

Carioca com o melhor desempenho no Campeonato Brasileiro, o Vasco, após duas rodadas, fez a pazes com a vitória ao receber o Athletico-PR e se manteve no G-4, em quarto, com 14 pontos. Com seis desfalques, entre eles o capitão Leandro Castan, poupado, o Cruzmaltino faz do equilíbrio, representado na defesa por duas difíceis intervenções de Fernando Miguel e, na frente, o decisivo gol de Cano, uma marca registrada no trabalho de Ramon Menezes. Na Colina, a escassez em algumas posições e o rodízio imposto pelo surto de covid-19 no clube não é desculpa para a perda do padrão tático.

"O grupo é jovem, mas conta com jogadores ambiciosos, com fome de vitórias e conquistas. O desempenho é mérito total da comissão técnica, que sempre nos deixa cientes do que temos que fazer em campo. Estamos executando só o que eles estão pedindo", destacou Neto Borges, que substituiu o suspenso Henrique.

À frente do arquirrival Flamengo, o Vasco não dispõe dos milhões investidos no superelenco do concorrente, mas atitude e vontade têm sobrado na Colina. E é com a confiança do grupo em alta e consciência da importância da sequência de compromissos no Rio que Ramon Menezes planeja os próximos passos para consolidar a privilegiada condição da equipe na tabela. Na quinta-feira, recebe Atlético-GO, o 18º colocado, em São Januário, e visita o Botafogo, 15º, domingo, no Engenhão. De olho no topo da tabela, os devotos do 'Ramonismo' sabem o que fazer.

"Acho que o fator casa ajuda muito. São Januário é nosso caldeirão. A gente se sente muito bem jogando aqui, com ou sem torcida. É onde treinamos todos os dias. Conhecemos a atmosfera e isso só tem a agregar. Contra o Atlético-GO vai ser o mesmo espírito de vontade. De querer ganhar o jogo", disse Miranda, em coletiva após a vitória sobre o Furacão, no domingo.

Galeria de Fotos

Detalhista, Ramon elogia manutenção do padrão tático em meio aos desfalques Rafael Ribeiro/ Vasco
Leandro Castan Gilvan de Souza

Comentários