Sem Nenê, Vasco encara o Santa Cruz e busca a classificação na Copa do Brasil

Pela primeira vez no ano, time chega em desvantagem no mata-mata: vitória leva o Gigante da Colina às oitavas de final

Por fabio.klotz

Rio - A missão não é tão complicada. Basta uma vitória simples para se classificar às oitavas de final da Copa do Brasil. Mas alguns obstáculos tornam maior o desafio do Vasco diante do Santa Cruz, nesta quarta-feira, às 21h45, no Arruda. O desfalque de Nenê, com lesão na coxa direita, é sempre um problema para o time, que terá uma experiência nova: pela primeira vez, nesta temporada, chega em desvantagem a um jogo decisivo de mata-mata.

Andrezinho pede 10% a mais de cada jogador para suprir a ausência de NenêPaulo Fernandes / Vasco.com.br / Divulgação

Com o empate em 1 a 1 em São Januário, o Vasco começa a partida eliminado, pois o 0 a 0 classifica o Santa Cruz. Jogar contra o regulamento é uma novidade em 2016. Na semifinal do Carioca, a equipe de Jorginho tinha a vantagem do empate contra o Flamengo (venceu por 2 a 0), assim como no segundo duelo da final contra o Botafogo (o 1 a 1 garantiu o título).

Pela Copa do Brasil, o Vasco venceu duas vezes o Remo e, contra o CRB, levou a melhor fora de casa. Graças a essa vantagem, se garantiu na atual fase com o 1 a 1 diante dos alagoanos, no Rio. Agora será diferente. Além de precisar vencer, o Vasco decidirá a vaga na casa do adversário, embora o empate de 2 a 2 em diante também assegure a vaga. Momento ideal para colocar à prova a experiência do elenco.

“O Santa Cruz tem torcida fanática, mas vamos confiantes. Uma vitória simples nos classifica. Tem que ter calma, não pode querer vencer de qualquer maneira. Nossa equipe é madura e tem que usar a experiência. Vamos jogar ofensivamente, sem descuidar na defesa”, avisou Andrezinho.

Para vencer, o Vasco terá de se virar sem o seu artilheiro em 2016, algo que não tem se mostrado fácil. Sem Nenê, com 17 gols, o Vasco jogou três partidas este ano: empatou duas vezes e perdeu uma.

“Cada um de nós vai dar 10% a mais para suprir a ausência dele”, disse Andrezinho.

Jorginho também não terá Luan, na Seleção olímpica, e o substituto Rafael Marques, que já atuou na Copa do Brasil pelo Coritiba. Jomar joga.

Atacantes estão regularizados

A busca por atacantes para o restante da temporada terminou com a chegada de Ederson e Junior Dutra. Os dois foram anunciados pelo clube no começo da madrugada de terça-feira e já estão regularizados na CBF, ficando à disposição de Jorginho.

Nesta terça-feira, Ederson realizou exames e fez trabalho físico. Junior Dutra já havia treinado na segunda, mas não viajou com a delegação. Os dois serão oficialmente apresentados nesta quinta-feira.

Apesar do fim da busca por atacantes, o Vasco ainda pode ter mais um. Com a briga entre Riascos e Cruzeiro, o clube mineiro ofereceu o equatoriano por empréstimo, mas a diretoria vascaína só o aceita se pagar metade dos seus salários.

Escalações

Santa Cruz: Tiago Cardoso; Vitor, Wellington, Danny Morais e Tiago Costa; Derley, Marcílio, Leandrinho e Lelê; Marion e Bruno Moraes.

Vasco: Martín Silva; Madson, Rodrigo, Jomar e Julio Cesar; Marcelo Mattos, Henrique, Andrezinho e Yago Pikachu; Jorge Henrique e Leandrão.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia