Jorginho lamenta e analisa empate do Vasco: 'Precisávamos ser protagonistas'

Cruzmaltino apenas empatou em 1 a 1 com o Sampaio Corrêa

Por renata.amaral

Espírito Santo - A Série B voltou neste sábado, mas a 'reestreia' não teve saldo positivo para o Vasco. O empate em 1 a 1 com o Sampaio Corrêa, em Cariacica, teve gosto amargo para os cruzmaltinos, mas Jorginho tratou de amenizar a situação. O técnico analisou a partida, mas ressaltou que o time da Colina ainda é o líder da competição.

"Precisávamos ser protagonistas, marcar, fazer o gol. Tivemos oportunidade de matar o jogo no primeiro tempo, mas é aquele velho ditado: quem não faz, leva. Foram jogadas fortes deles. Cada substituição deles era mais alta do que a outra. Eles aproveitaram as oportunidades e empataram", analisou Jorginho, que completou:

"Acho que a análise desse tempo de trabalho tem que ser feita não apenas pensando nesse jogo. De forma nenhuma posso dizer que não foi proveitoso esse tempo sem jogos. Eu jogo futebol desde os 13 anos. Sei que é fácil comentar sobre um resultado. Temos que ter calma. Continuamos em primeiro lugar. Criamos gordura em relação ao quinto colocado. Aconteceram erros, e eu assumo a responsabilidade sempre. Sou líder dessa equipe, sou o comandante. Me responsabilizo por tudo o que ela faz."

Líder, com 40 pontos, o Vasco volta pela jogar na Série B contra o Tupi-MG, no sábado, às 1h30, no Municipal de Juiz de Fora. Antes disso, porém, o Cruzmaltino encara o Santos, na quarta-feira, às 19h30, na Vila Belmiro, pelo primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia