Pelas Ruas: Pelo mundo

Grupo Casuarina se apresenta na Malásia

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - Tudo começou na Lapa. Agora eles vão atravessar o oceano e chegar à Malásia. O grupo Casuarina toca no dia 12 de abril no Penang World Music Festival, como único representante das Américas, ao lado de artistas da África do Sul, Egito, Estônia, Indonésia e Rússia, entre outros países. O quinteto carioca vai mostrar o show de seu sexto CD, ‘No Passo de Caymmi’. Os meninos já passaram por Angola, Cuba, Eslovênia e Israel. É o Rio de Janeiro mostrando sua arte pelas ruas do mundo.

DOIS SERTÕES, UM BISPO

Na infância, ele conviveu com a tradição de reisados e cheganças. Também estava ali ao seu redor o sincretismo e a religiosidade que tanto inspiraram sua obra. A partir de amanhã, o público poderá ver 150 peças de Bispo do Rosário, numa exposição que, pela primeira vez, considera todas as fases de sua vida, e revela novas influências. ‘Um Canto, Dois Sertões: Bispo do Rosário e os 90 anos da Colônia Juliano Moreira’ estará em cartaz até outubro no museu que leva o seu nome, em Jacarepaguá. A entrada é gratuita.

EL MIRACULOSO

Você pode escolher o que levar, na sugestão da banda: seus óculos de sol, sua bike, sua namorada ou o seu ‘peguete’. É assim mesmo, com essa irreverência, que o domingo vai ser de muita música na Urca. El Miraculoso Samba Jazz se apresenta às 17h na Praia Vermelha, de graça. Com o trompete de Henrique Vaz, contrabaixo de Marcos Luz, bateria de Gabriel Barbosa e guitarra de Jefferson Moreira. Ah! E quem não tiver o que (ou quem) levar, pode ir assim mesmo.

LA CUMBIA

O tambor vai bater no Arco do Teles e os quadris vão balançar. A festa dedicada à Cumbia acontece mais uma vez neste sábado. Cumbia vem da palavra “cumbé” (festa ou celebração), da Guiné Equatorial, país da África Ocidental, e foi levada para o Caribe e a Colômbia pelos africanos durante o século 17. É hoje à noite, de graça, na rua. E para bailar até cansar!

RIOJANEIRICES

A Companhia Folclórica do Rio-UFRJ inicia hoje, na Arena Jovelina Pérola Negra, na Pavuna, o projeto ‘Riojaneirices’. Espetáculo musical inspirado nos espaços da cultura carioca tradicional – terreiros, salões e ruas –, será apresentado nas lonas e arenas até 3 de junho, com entrada franca. ‘Riojaneirices’ expressa o jeito de ser do carioca, sua visão de mundo, sua maneira de interpretar e explicar as coisas.

CONFETES

Xote, xaxado, baião, coco, samba, ciranda e o que mais der na telha. É o Forro de Rabeca, toda quinta, na Rua do Ouvidor, a partir das 20h. O evento é de graça, mas os músicos vendem cervejas e drinks para ajudar a pagar os custos da apresentação.

Último fim de semana de ‘A natureza em ferro e arte’, que mostra o trabalho do artista Jaime Santos e a transformação de material reciclado em belas esculturas. A exposição, gratuita, fica até 31 de março, das 9 às 21h, no Santa Cruz Shopping.

Neste sábado, a partir das 22h, o Baile de Charme do Viaduto de Madureira traz ao Rio, pela primeira vez, a cantora Flora Matos, que está estourando nas pistas de dança com a música ‘Pretin’. Recebe ainda a DJ Flavia Xexéo, convidada da noite.

O Samba Cultural apresenta hoje à noite a roda de samba comandada por Pedro Holanda e Bia Vaz, que traz como convidado especial Kiko Chaves. O compositor homenageado da vez será Djavan. No Centro Cultural Carioca, a partir de 18h.

Hoje tem Filhos da Norte, um movimento de resgate do samba de raiz, na palma da mão e no gogó, com releituras de grandes compositores. De graça, na Parada Bistrô, na Praça Varnhagen.

O Centro da cidade virou uma arena musical.  Bandas e músicos vêm fazendo das ruas seu palco, como a Senador Dantas e o entorno do Largo da Carioca. Há também os que adotaram vagões do metrô, como o violinista que todos os dias apresenta seu repertório que vai de Bach a Tom Jobim.

Coluna de Rita Fernandes


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia