Disque-Denúncia lança cartaz de suspeito de matar empresário na Linha Amarela

Olderige Eduardo Catelan, de 54 anos?, foi assassinado com um tiro na cabeça

Por marcello.victor

Rio - O Portal dos Procurados lança nesta sexta-feira cartaz com recompensa de R$ 1 mil por informações que levem a prisão de Aleksander da Conceição de Souza, o Alex. Ele é suspeito pela morte do empresário Olderige Eduardo Catelan, de 54 anos, no dia 11 de março. O crime ocorreu volta das 19h15, na Linha Amarela, na altura da Saída 7, em Bonsucesso, Zona Norte do Rio, no sentido Barra da Tijuca.

Portal dos Procurados oferece R%24 1 mil por informações que levem a prisão de Aleksander da Conceição de Souza%2C o AlexDivulgação

O empresário teria visto o veículo na sua frente ser assaltado, e com isso acelerou seu carro. Após a reação do empresário, Aleksander e um menor de idade, de moto, perseguiram o carro e atiraram. O empresário que estava acompanhado da mulher no momento do crime foi atingido com um tiro na cabeça. Ele foi socorrido e levado para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha, mas não resistiu ao ferimento e morreu horas depois.

Dois dias ?após o assassinato? do empresário?, a dupla ?tentou assaltar um motociclista na Rua Radial Oeste?, no Maracanã?. Uma viatura da PM passou pelo local na hora do roubo, mas, Aleksander conseguiu fugir, entretanto o menor de idade foi apreendido. ?

Contra Aleksander que, segundo a polícia, faz parte do tráfico de drogas da comunidade do Mandela, em Manguinhos, e possui um histórico de crimes?, foi expedido mandado de prisão, pelo Juízo d?a 23ª Vara Criminal da Capital, pelo crime de Roubo Qualificado C/C Lesão Corporal Grave – artigo 157, § 3º, 1ª Parte – CP -,? com pedido de prisão temporária de 30 dias, com validade até 21/03/2031.

Todas as informações sobre Aleksander da Conceição de Souza estão sendo encaminhadas para o Divisão de Homicídios (DH) da Capital, encarregada do caso.

Quem tiver alguma informação a respeito da localização e paradeiro do suspeito, denuncie, enviando uma mensagem de texto, vídeo ou fotos para o aplicativo de mensagens do WhatsApp do Portal dos Procurados (21) 96802-1650, ou entre em contato com a Central Disque-Denúncia pelo (21) 2253-1177 ou 0300-253-1177, para quem estiver fora da capital.

O anonimato é garantido. A Coordenação do Portal dos Procurados, alerta à população para não investigar por conta própria, devendo apenas relatar à polícia a sua suspeita. Cuidado. Sempre armado e perigoso.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia