Prefeitura prorroga prazo para troca de táxis com seis anos de vida útil

Data foi mudada para dezembro. Motoristas serão obrigados a ter instalada impressora para a emissão de recibo

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - A Prefeitura do Rio prorrogou o prazo para troca de táxis convencionais, os "amarelinhos", com vida útil de 6 anos ou mais. Com isso, os taxistas cujos veículos estiverem nessa situação terão até 23 de dezembro de 2015 para efetuar a troca dos carros, podendo realizar a vistoria anual sem qualquer impedimento. O decreto do prefeito Eduardo Paes foi publicado nesta sexta-feira no Diário Oficial do Município.

Os taxistas devem ter o certificado de aferição do taxímetro e impressora, que será cobrada pela 1ª vez desde a publicação do Código Disciplinar em 2013. O objetivo é garantir mais segurança para a população e melhorar o padrão dos táxis na cidade para as Olimpíadas de 2016.

A Secretaria Municipal de Transportes (SMTR) esclarece ainda que, para a inspeção anual, o taxista deverá ter feito a vistoria 2014 e estar com todas as multas quitadas. Entre os requisitos indispensáveis para a vistoria anual, estão a entrega do comprovante de pagamento do DARM e a apresentação do certificado de desinsetização contra vetores e pragas urbanas.

Cerca de 33 mil táxis devem passar pela vistoria este ano.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia