Pai reconhece corpo de rapaz carbonizado na Lagoa

Marcelo Chinaglia Walsh Mendonça mora com o pai e o tio, mas estava sozinho no momento do incêndio

Por tabata.uchoa

O corpo de Marcelo Chinaglia Walsh Mendonça foi reconhecido pelo pai no IML neste domingoReprodução Facebook

Rio - O pai do rapaz que morreu durante um incêndio na Lagoa reconheceu o corpo do filho, no Instituto Médico Legal (IML), na tarde deste domingo.

O corpo de Marcelo Chinaglia Walsh Mendonça, de 21 anos, foi encontrado carbonizado pelo Corpo de Bombeiros após um incêndio no apartamento onde ele morava com o pai e o tio, na Rua Negreiros Lobato, na Lagoa, Zona Sul do Rio. O jovem estava sozinho no momento do incêndio.

De acordo com os bombeiros, as chamas começaram às 10h05 em um apartamento no primeiro andar do prédio.

O fogo foi controlado por volta das 11h e os agentes encontraram o corpo de Marcelo carbonizado no local.

Uma perícia foi realizada no local e a Polícia Civil instaurou procedimento para apurar as circunstâncias do fato. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia