Ataque a carro da Prefeitura de Quissamã deixa dois baleados na BR-101

Motorista e técnica de enfermagem foram atingidos por criminosos após um suposto arrastão na rodovia, na altura de São Gonçalo. Veículo seguia para o Rio de Janeiro com um paciente, que nada sofreu

Por Adriano Araujo e *Alice Cravo

Veículo foi alvejado durante arrastão. Dois ocupantes ficaram feridos
Veículo foi alvejado durante arrastão. Dois ocupantes ficaram feridos -

Rio - Um ataque a tiros a um carro da Prefeitura de Quissamã deixou o motorista e uma técnica em enfermagem baleados, na madrugada desta sexta-feira, na BR-101, na altura de São Gonçalo. Eles levavam um homem que realizaria exames na capital quando foram vítimas de criminosos que estariam realizando um arrastão na região. O paciente nada sofreu.

O crime aconteceu por volta das 5h30, na altura do piscinão desativado de São Gonçalo. O motorista do veículo, uma Fiat Toro, foi atingido na cabeça e ainda conseguiu dirigir até o posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF) na altura do bairro Itaúna. Lá, Maurício Rodrigues e Cristina Gonçalves foram socorridos por equipes médicas da Autopista Fluminense, que administra a rodovia, e levados para o Hospital Azevedo Lima, em Niterói. O condutor do carro está grave, enquanto a técnica de enfermagem teve ferimento moderado. O paciente que era conduzido para exames seguiu para o Rio por meios próprios.

No mesmo horário e no mesmo trecho, a PRF foi acionada por um motorista na mesma região sobre criminosos em motos e armados de fuzis. Após buscas um deles foi preso e uma moto que havia sido roubada recuperada. O detido, segundo a polícia, é responsável por vários roubos na região e está sob custódia no Hospital do Trauma, em Niterói, pois apresentava ferimentos. A Polícia Rodoviária Federal não relacionou as duas ocorrências.

Segundo a Prefeitura de Quissamã, a secretária de Saúde da cidade, Simone Flores, estão no Hospital Azevedo Lima. Em nota disse que o motorista está em cirurgia e que, apesar da gravidade do caso, o prognóstico é positivo. A técnica de enfermagem sofreu ferimentos leves, está medicada e fora de perigo.

* Alice Cravo é estagiária

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia