Rompimento de tubulação de água prejudica atendimento no Hospital do Fundão

Ambulatórios afetados pelo alagamento foram reabertos somente no início da tarde desta quarta-feira. Pacientes urgentes foram atendidos em outras salas, enquanto os outros tiveram consultas reagendadas

Por O Dia

Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, no Fundão
Hospital Universitário Clementino Fraga Filho, no Fundão -

Rio - O rompimento de uma tubulação de água prejudicou durante toda a manhã desta quarta-feira o atendimento nos ambulatórios do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF), na Ilha do Fundão. Os espaços que recebem pacientes nos 1º e 2 º andares só foram reabertos às 12h para consultas no período da tarde. 

De acordo com o hospital, que pertence à Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), parte do atendimento ambulatorial que era considerado de urgência foi remanejado para outras salas — inclusive quem procurava a área de Oncologia. Os atendimentos de rotina — não são caracterizados como de urgência — foram remarcados para outras datas, diretamente com os pacientes.

A Divisão de Engenharia (DEG) do HUCFF já providenciou o reparo e os ambulatórios foram liberados às 12h, para as consultas da tarde. As causas do rompimento da tubulação não foram divulgados. 

 Em média são realizados no Hospital do Fundão cerca de mil atendimentos ambulatoriais por dia. Ainda não há números exatos de quantos foram reagendados e remanejados hoje, pois o gerenciamento está sendo trabalhado ao longo do dia, de acordo com a rotina.

Últimas de Rio de Janeiro