Médica é morta com tiro na cabeça na porta de casa na Barra da Tijuca

Maura Selvaggi Soares estava entrando de carro na garagem de seu condomínio, quando um bandido tentou abordá-la

Por RAI AQUINO e WALESKA BORGES

Médica foi morta na noite desta quinta-feira
Médica foi morta na noite desta quinta-feira -
Rio - Uma médica foi morta com um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto, no fim da noite desta quinta-feira, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio. Maura Selvaggi Soares, de 61 anos, estava chegando em casa, na Rua Einstein, na região da Barrinha, por volta das 22h18, quando foi alvo de bandidos armados. O local fica a menos de 300 metros da 16ª DP (Barra da Tijuca).
Imagens de câmeras de segurança do prédio, obtidas pelo SBT, mostram o momento do crime (assista no vídeo abaixo). No vídeo, é possível ver a médica entrando de carro na garagem de seu condomínio, quando os bandidos se aproximam em outro veículo escuro, tipo Sedan. Um deles sai do automóvel, vai em direção à Maura, que acelera e é alvo de tiros. O bandido volta ao seu carro, que deixa o local.
Agentes do quartel da Barra do Corpo de Bombeiros foram acionados e socorreram a médica no Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, Maura já chegou à unidade em parada cardiorrespiratória. "A equipe médica tentou reanimá-la, mas sem sucesso", a pasta informou, em nota.
Policiais militares do 31º BPM (Recreio dos Bandeirantes) também foram chamados e estiveram no local. Eles acionaram a Delegacia de Homicídios da Capital (DH), que investiga o crime. 
"Diligências estão sendo realizadas em busca de imagens e informações que levem a autoria do crime. As investigações estão em andamento", a Polícia Civil disse, em nota.
Prédio da médica fica na Rua Einstein - Agência O DIA
ESPECIALISTA EM GESTÃO
Maura Selvaggi se formou pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e tem especializações em planejamento estratégico, gerência de saúde e geriatria e gerontologia pelas fundações Oswaldo Cruz (Friocruz) e Getúlio Vargas (FGV) e pela Uerj, respectivamente.
Pelas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte da médica. "A gente nunca espera que aconteça com nossos familiares. Descanse em paz, Maura. Conforto para os primos", postou uma parente.
O Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj) emitiu comunicado lamentando o caso; veja na íntegra!
"O Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio de Janeiro lamenta a morte da médica Maura Selvaggi Soares, vítima de mais um ato de violência na cidade do Rio de Janeiro. O Cremerj se solidariza com a família e amigos neste momento de dor.

O Cremerj ainda reitera que medidas de segurança devem ser tomadas por parte do Estado para garantir o ir e vir da população, conforme estabelecido na Constituição brasileira".

Galeria de Fotos

Médica foi morta na noite desta quinta-feira Arquivo Pessoal
Prédio da médica fica na Rua Einstein Agência O DIA

Comentários