Moradores de Madureira reclamam de rua cheia de buracos, lixo espalhado e alagamentos

Conhecida como o 'Coração da Zona Norte' e o 'Berço do Samba', o bairro não traz só orgulho para os moradores

Por Aline Cavalcante

Escada rolante da Estação Madureira está parada e o acesso, fechado
Escada rolante da Estação Madureira está parada e o acesso, fechado -

Rio - Conhecida como o “Coração da Zona Norte” e o “Berço do Samba”, o bairro de Madureira não traz só orgulho para os moradores. Pelo contrário, quem mora no local vem amargando uma rotina de problemas que vêm dificultando e causando transtornos.

Toda a extensão da Rua Dona Clara está esburacada. Transitar pela via é um verdadeiro jogo de obstáculos. O motorista tem que desviar dos buracos a todo instante. “O problema aqui é pior porque não é só em um trecho, tem cratera do início ao fim. A gente anda desviando o tempo todo, é difícil. Na verdade, isso é uma vergonha, ainda mais que estamos falando em uma rua que uma movimentação intensa no trânsito”, relatou o motorista Anderson Carvalho, 48.


Para a professora Anna Gonçalves, 60, a situação é de abandono. Ela se queixa dos bueiros entupidos, da falta de lixeiras e de alagamentos. “Os bueiros estão entupidos, então quando chove não tem pra onde a água correr e a rua alaga. Como estamos sem lixeira na rua, acaba tendo lixo jogado e em dias de chuva a situação complica”.

Em um trecho da rua há entulho na calçada, o que dificulta a passagem de pedestres. “É muito chato se deparar com um monte de entulho onde deveríamos transitar livremente”, lamenta Guilherme Lourenço. 

Na Rua Domingos Lopes, o lixo é um dos grandes problemas. Apenas dois contentores pequenos foram colocados e não dão vazão, acumulando assim lixo em volta. O mau cheiro e a sujeira em incomodado moradores e frequentadores da região, que é cercada por comércio. “Tinha que ter lixeiras em toda a rua, porque assim evitaria este acúmulo de lixo. Isso acaba dando ratos e um cheiro horrível”, disse a instrumentadora cirúrgica Claudia Gonçalves, 58.


Outra situação relatada por Claudia é o funcionamento da escada rolante na Estação de Madureira que fica na Rua João Vicente. Segunda ela, a escada está sempre desligada e os portões de acesso fechados. “Tive um problema de saúde e subir escadas para mim é muito difícil. Tem dias que não consigo, é um sofrimento. Fico indignada porque se tem a escada rolante é para ser usada, mas dificilmente consigo usar."

O QUE DIZEM OS RESPONSÁVEIS


A Secretaria de Conservação disse que vai enviar equipe ao local para vistoriar e programar serviços de tapa-buraco e desentupimento dos bueiros ao longo da Rua Dona Clara. A Supervia justificou a falta de funcionamento da escada e explicou que deviso às chuvas, a mesma foi paralisada e o portão de acesso foi fechado por uma questão de segurança. E garantiu que assim que toda a água fora ecoada a mesma voltará a funcionar.


Após a reportagem, a Comlurb informou que o entulho foi retirado e local está limpo. Já sobre as lixeiras afirmou que “o logradouro nunca contou com contêineres por não ter necessidade, já que a rotina de limpeza é diária, incluindo varrição, e a coleta domiciliar três vezes por semana”.

Galeria de Fotos

Escada rolante da Estação Madureira está parada e o acesso, fechado fotos Ricardo Cassiano
Guilherme Lourenço reclama da falta de limpeza e da dificuldade de transitar nas ruas Divulgação
Rio, 06/09/2019 - O DIA NO SEU BAIRRO - Escada rolante da estacao da supervia madureira, parada e fechada. Madureira, zona norte do Rio. Foto: Ricardo Cassiano/Agencia O Dia Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Claudia Gonçalves relata problemas com a Supervia e a falta de lixeiras Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Rio, 06/09/2019 - O DIA NO SEU BAIRRO - Rua Dona Clara. Madureira, zona norte do Rio. Foto: Ricardo Cassiano/Agencia O Dia Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Rio, 06/09/2019 - O DIA NO SEU BAIRRO - Rua Dona Clara. Madureira, zona norte do Rio. Foto: Ricardo Cassiano/Agencia O Dia Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Rio, 06/09/2019 - O DIA NO SEU BAIRRO - Rua Dona Clara. Madureira, zona norte do Rio. Foto: Ricardo Cassiano/Agencia O Dia Ricardo Cassiano/Agencia O Dia
Os buracos na Rua Dona Clara prejudicam a passagem dos veículos Ricardo Cassiano/Agencia O Dia

Comentários