Rio terá caminhada para chamar atenção para os direitos da pessoa idosa

Evento acontecerá em Copacabana e deve reunir cerca de 15 mil pessoas na orla. Percurso terá 1 km

Por O Dia

Segunda caminhada em defesa da pessoa idosa
deve reunir cerca
de 15 mil amanhã
Segunda caminhada em defesa da pessoa idosa deve reunir cerca de 15 mil amanhã -

Rio - Acontece neste domingo (27), em Copacabana, a 2º edição da Caminhada Sesc em Defesa da Pessoa Idosa. O evento, promovido pelo Sesc RJ, visa chamar a atenção para os direitos da pessoa idosa. A expectativa da organização é reunir mais de 15 mil participantes entre idosos, familiares e simpatizantes da causa. A marcha acontecerá no bairro carioca com a maior concentração de pessoas acima de 60 anos no país.

Thais Castro, gestora de trabalho com idosos do Sesc RJ, afirma que o evento é importante para a conscientização da população.

"O evento busca trazer visibilidade. Levantaremos questões sobre direitos dos idosos, para que eles saibam e possam lutar por eles. Precisamos chamar atenção para um país que está envelhecendo e não respeita os idosos. Também teremos debates sobre questões de qualidade de vida, saúde, alimentação, lazer, esporte, cultura, entre outros temas", conta.

A concentração e o alongamento coletivo ocorrerão às 8h, em frente ao hotel Copacabana Palace, de onde o grupo sai, às 9h, em caminhada pela Avenida Atlântica. O percurso de um quilômetro, que será embalado por um trio elétrico com música, tem chegada prevista para às 10h, na esquina da Avenida Atlântica com a Rua Santa Clara.

"Teremos uma atração especial surpresa no trio elétrico, que promete fazer não só os idosos como todos os presentes na praia de Copacabana dançarem bastante", conta Thais. 

No local, haverá uma programação com atividades esportivas, educativas e de lazer que se estenderá até às 16h. A agenda conta com jogos de estímulo cognitivo, oficinas de artesanato e sustentabilidade, contação de histórias, avaliação nutricional, apresentação de beach tênis, orientação de saúde bucal, aulão de dança e apresentação de circo e pernas de pau, entre outras atrações.

Atualmente, no Brasil, mais de 30 milhões de pessoas são consideradas idosas, ou seja, já têm idade igual ou superior a 60 anos. Esse número representa cerca 14,3% da população, de acordo com o IBGE. Estudos apontam que, daqui a 20 anos e seguindo uma tendência mundial, esse número irá dobrar. 

Desde 2004, o Estatuto do Idoso no Brasil visa proteger e melhorar a vida dessa parcela da população. A caminhada faz parte da programação que o Sesc RJ desenvolve no mês de outubro por conta do Dia Internacional do Idoso, instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU), que foi comemorado em 1º de outubro.  

Ano passado, em sua primeira edição, o evento contou com a presença de 13,5 mil pessoas. Para participar é grátis, mas o Sesc RJ pede a contribuição solidária de 1 kg de alimento não perecível. Os donativos serão revertidos ao programa Mesa Brasil Sesc, iniciativa que recolhe alimentos de doadores e os repassa a entidades assistenciais cadastradas, como creches e asilos.

A 2º Caminhada Sesc em Defesa da Pessoa Idosa conta com o apoio da Drogaria Venancio, Instituto de Longevidade Mongeral Aegon, Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG), Prefeitura do Rio, Skafe Cosméticos e Granfino.

Brindes e serviços

O Instituto Mongeral Aegon levará atividades e jogos que discutirão sobre o envelhecimento. Também fará sorteio de brindes entre os participantes. Participarão da caminhada idosos das Casas de Convivência da Secretaria de Envelhecimento Saudável, da Prefeitura do Rio, e do projeto Saúde na Praça, da Drogaria Venancio, que promove atividades físicas e de integração social em seis praças do Rio.
A rede de farmácias vai oferecer, gratuitamente, avaliação corporal e distribuir amostras de protetor solar. A SBGG realizará testes funcionais e Dinamometria (medição da força muscular), a Skafe Cosméticos fará distribuição de shampoos, e a Granfino, distribuição de sucos e biscoitos.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários