Manejo evita a extinção da espécie

Por

O pirarucu é o maior peixe de água doce do mundo, entre as espécies com escamas. Pode atingir 3 metros. É encontrado geralmente nas áreas de várzea da bacia amazônica, onde as águas são mais calmas. É também conhecido como o bacalhau da Amazônia.

O pirarucu corria risco de extinção devido à pesca predatória praticada ao longo de muitos anos. A reprodução natural, por sua vez, insuficiente para repor o número de espécimes pescados sem critério. Para evitar que desapareça, foi implantado o manejo do peixe.

O projeto consiste em treinar e capacitar pescadores para manejar o pirarucu de forma ambientalmente adequada, assegurando a sobrevivência da espécie e a viabilidade econômica da atividade pesqueira.

A temporada de pesca vai de julho a novembro, a estação seca na região, quando os rios estão no seu nível mais baixo. E só podem ser retirados da água os peixes com mais de 4 anos de vida e o mínimo de 1,5m de altura e com 40kg.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários