Passageiro é morto durante assalto a ônibus em Senador Camará

Vítima era casada e deixa três filhos homens

Por Jenifer Alves*

Mauro teria demorado a entregar os objetos ao criminoso quando foi baleado
Mauro teria demorado a entregar os objetos ao criminoso quando foi baleado -
Rio - Um passageiro da linha 864 foi morto na noite desta terça-feira, durante um assalto ao coletivo, próximo à comunidade do Sapo, na Avenida Santa Cruz. A vítima foi identificada como Mauro de Souza Oliveira. A linha faz o itinerário Campo Grande x Bangu, na Zona Oeste do Rio e acumula relatos sobre este tipo de crime nas redes sociais. Segundo usuários, o local mais comum para a ação dos criminosos é próximo à uma unidade do Detran, na mesma via.
De acordo com a Polícia Militar, agentes do 14ºBPM (Bangu) foram acionados para verificar uma ocorrência na Avenida Santa Cruz, em Senador Camará. No local, duas pessoas foram encontradas feridas. As vítimas foram levadas à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Senador Camará, mas Mauro não resistiu aos ferimentos. A ocorrência foi encaminhada para a Delegacia de Homicídios.
Segundo um amigo de trabalho da vítima, que não quis se identificar, ele não costumava fazer aquele trajeto: "Ele tinha acabado de sair do trabalho, nem era o caminho dele, mas ele tinha que resolver um problema! Infeliz situação!", explica. Mauro era casado e deixa três filhos homens.
Estagiária sob a supervisão de Adriano Araujo
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários