Uerj realiza parceria inédita para desenvolver projetos na área de Petróleo e Gás

O objetivo é aproximar a universidade da indústria, capacitando ainda mais os alunos

Por O Dia , O Dia

-
Rio - A Faculdade de Geologia da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) firmou uma parceria inédita com a empresa IHS Markit, líder mundial na área de dados e serviços relacionados à indústria do petróleo. O objetivo é aproximar a universidade da indústria, capacitando ainda mais os alunos.

Com a parceria, foi possível adquirir licenças educacionais para o software Kingdom, um software de interpretação geológica, utilizado pela grande maioria da indústria do petróleo e gás. É uma ferramenta que os profissionais usam quando chegam ao mercado de trabalho e, com o convênio, foi possível oferecê-la de forma gratuita.

"Na América do Sul, é inédito o fato de oferecer aos alunos essa capacitação de forma inteiramente sem custo a eles", comemora Enrico Pedroso, professor da Faculdade de Geologia da Uerj.

Kingdom acessível aos alunos

Intitulado "Treinamento em Ferramenta Geo Exploratória na Área de Petróleo e Gás", o curso de extensão, que começou a ensinar o uso do software Kingdom, teve sua primara turma semana passada. Selecionados a partir de rigorosa análise curricular, 10 alunos da Graduação e da Pós-Graduação da Faculdade de Geologia participaram das aulas, que duraram três dias (11 a 13 de fevereiro, das 9h às 18h) e aconteceram no Laboratório de Sensoriamento Remoto Aplicado (Lars)/Uerj.

"A exploração de petróleo é baseada num processo de imageamento de subbsolo para identificação dos lugares mais convenientes para perfuração, para procurar óleo, saber onde perfurar ou não. Por isso, dominar o software Kingdom - que está sendo ensinado no curso do Lars - é um grande diferencial no currículo desse futuro profissional", afirmou Enrico.

Capacitação é o caminho

Através de dados de alta resolução e imageamento, o Lars - inaugurado na semana passada - investigará a superfície da terra e ajudará nos estudos e pesquisas das áreas de Petróleo e Gás, de Mineração e de Meio Ambiente, contribuindo para uma melhor capacitação dos alunos, tanto na vida acadêmica quanto para o mercado de trabalho. O Lars receberá esse e outros cursos de extensão.

Ainda não há data marcada, mas a intenção é de que já no segundo semestre aconteça o Módulo Intermediário do "Treinamento em Ferramenta Geo Exploratória na Área de Petróleo e Gás".

O que também deve acontecer até o fim do ano é a implementação do curso de Pós-Graduação em Tecnologias Geo Exploratórias Aplicadas da Uerj, um programa de pós lato sensu: "A intenção é aproximar a universidade das indústrias. E, através do Lars, que já é uma realidade, e também do curso de Pós Graduação, que esperamos ver implementado em breve, a Faculdade de Geologia da Uerj vai consolidar ainda mais o tripé ensino/ pesquisa/extensão, capacitando nossos alunos e reciclando profissionais que atuam na exploração sustentável de recursos minerais", afirmou Enrico.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários