Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos
Para doar sangue, é preciso ter entre 16 e 69 anos Marcelo Camargo / Agência Brasil
Por O Dia
Rio - O projeto "Hemorio em casa", criado para captar doadores nos grandes condomínios do Rio de Janeiro durante o período de pandemia, vai ser reativado a partir desta segunda-feira (29). Com o avanço da covid-19 no Estado e o fechamento de serviços não essenciais, o número de doações nos meses de janeiro e fevereiro sofreu uma queda de 200 bolsas de sangue. Além disso, as restrições cancelaram diversas ações de coleta externa em locais de grande movimentação, como shoppings e empresas, colocando o Hemorio em estado de alerta vermelho.
“Esses cancelamentos, embora necessários para impedir o avanço do vírus, podem provocar um efeito cascata de redução na captação de sangue em todo Estado. Agora, mais do que nunca, pedimos aos doadores que identifiquem nos seus condomínios a possibilidade de aderirem ao projeto e que entrem em contato com o Hemorio imediatamente”, explica o diretor do Hemorio, Dr. Luiz Amorim.
Publicidade
Desde que foi criado, o "Hemorio em Casa" superou o total de 3 mil bolsas de sangue coletadas e garantiu ao Hemorio a manutenção dos estoques durante o período crítico da pandemia em 2020. Ao todo, o número representa mais de 12 mil vidas salvas.
Para participar a campanha, o condomínio precisa salão de festa com refrigeração, com no mínimo de 80 metros quadrados de espaço disponível e pelo menos 500 apartamentos.
Publicidade
Após o cadastro, o doador é orientado a aguardar em sua residência até o momento da coleta, quando é contatado via whatsapp ou interfone. Após o procedimento, ele pode retornar a sua residência, evitando assim aglomerações, o uso de transportes públicos e a exposição prolongada em ambientes externos.
Os síndicos de condomínios interessados na ação e que possuam a estrutura e o número adequado de moradores podem entrar em contato com o Hemorio pelo e-mail [email protected].
Publicidade
“Com o aumento do número de internações na UTI é fundamental que todos os hospitais do Estado estejam abastecidos com bolsas de sangue. Não podemos perder tempo. Esse apelo é para garantir a continuidade dos serviços de saúde com objetivo de salvar vidas. Caso não possa convidar o Hemorio para visitar seu condomínio, nos procure diretamente e faça sua parte", esclarece o diretor do instituto.
Quem pode doar na pandemia
Publicidade
• É preciso ter entre 16 e 60 anos e até 69 caso já sejam doadores de sangue.
• O doador deve pesar no mínimo 50 kg.
Publicidade
• É necessário estar bem de saúde.
• Quem quiser doar precisa portar um documento de identidade oficial com foto.
Publicidade
• Não é necessário estar em jejum, apenas evitar alimentos gordurosos nas quatro horas que antecedem a doação e não ingerir bebidas alcoólicas 12 horas antes.
• Candidatos à doação que tiveram a covid-19 ficam inaptos por 30 dias após a cura.
Publicidade
• Candidatos à doação que tiveram a forma grave da doença ficam inaptos por 1 ano após a cura.
Jovens com 16 e 17 anos só podem doar sangue com autorização dos pais ou responsáveis legais. Devem portar o seu documento e um documento de identidade do responsável que assinou a autorização.