Vinícius Baião, do PSOL, defende eleição direta para diretores das escolas

O pré-candidato à prefeitura de Meriti participou de live do DIA e disse querer valorizar a população

Por O Dia

A série de lives com os pré-candidatos a prefeito de São João de Meriti, promovida pelo jornal O DIA, recebeu nesta quarta Vinícius Baião, do PSOL. Na entrevista o pré-candidato disse que a motivação para um futuro mandato será fruto das lutas coletivas. Comandaram a conversa o colunista político Sidney Rezende e o repórter Eric Macedo.
Professor das redes estadual e municipal do Rio, Vinicius afirma que São João de Meriti ainda vive um momento onde as direções escolares são indicações políticas. Questiona a falta de contato entre diretores e alunos, e pretende garantir lideranças mais democráticas, valorizando o professor.
“O primeiro ato que eu faria relacionado à educação seria implementar eleições diretas para as direções escolares. Então, para podermos ter escolas com mais autonomia, com garantia de relação mais profunda com sua organização, toda a comunidade escolar precisa ser ouvida. Valorizar o profissional de educação, como professores, funcionários e pesquisadores, é primordial” disse Baião.
Questionado pelo repórter Eric Macedo sobre a falta de valorização na cultura em Meriti, o pós graduado em produção cultural e diretor da Cia. Cerne complementou afirmando que o município não tem nenhuma política cultural efetiva na cidade.
“Não existe um mapeamento dos artistas coletivos culturais na cidade, precisamos saber quem são e criar tais políticas. Precisamos regulamentar o fundo municipal de cultura, que não possuímos, para ter capacidade de receber outros recursos para nos ajudar. A cidade tem mais de meio milhão de habitantes e o único teatro que temos é o do SESC. Então precisamos descentralizar movimentos culturais na região para que eles cheguem à população”.
Segundo Vinícius Baião, apenas 13% dos meritienses estão inseridos no mercado formal de trabalho, sem contar com os desempregados. “Estou com algumas ideias destinadas para o polo comercial de Vilar dos Teles. Temos que pensar em revitalizar aquele espaço nos tempos atuais. Quero montar a casa do empreendedor em Meriti, para dar suporte ao lojista, ajudar na administração, intermediar junto a instituições bancárias linhas de créditos para que esses pequenos empreendedores da região avancem com seus negócios e que o local volte a ficar valorizado”, acrescentou.

Comentários