"Vamos desburocratizar os serviços públicos e priorizar a reforma administrativa", diz pré-candidato Evandro Glória

O pré-candidato pelo Cidadania participou nesta sexta-feira, dia 11, da live do O DIA

Por O Dia

Entrevista com o pré-candidato, Evandro Glória, do Cidadania
Entrevista com o pré-candidato, Evandro Glória, do Cidadania -
Volta Redonda - A série de lives promovida pelo jornal O DIA com os pré-candidatos à prefeitura de Volta Redonda recebeu nesta sexta-feira, dia 11, Evandro Glória, do Cidadania. Temas como economia, educação e saúde foram destaques durante a entrevista. Comandaram a conversa, o colunista político do O DIA, Sidney Rezende e a repórter Denise Azevedo.

Evandro Glória que é empresário e contador explicou sua motivação para concorrer a prefeito de Volta Redonda. Segundo ele chegou o momento de contribuir com seu trabalho e experiência para colocar a cidade de novo no caminho do desenvolvimento e da geração de emprego.
“Eu me sinto com condições de contribuir com o desenvolvimento de Volta Redonda. Nós temos passados por momentos críticos durante os últimos anos da política e eu me coloco hoje como o cidadão. Aquele cidadão que está insatisfeito com o sistema político atual e como isso prejudica o cidadão e não promove os direitos fundamentais do volta-redondense”, declarou.
O pré-candidato do Cidadania falou que em um momento de pandemia e crise econômica, o município precisa de uma reforma administrativa e uma administração transparente com as contas públicas.
“Vamos desburocratizar os serviços públicos e priorizar a reforma administrativa. Reforma administrativa não é demitir, mas ajustar o sistema de atendimento ao cidadão e valorizar o servidor público. Em detrimento dos cargos que oneram tanto o município não é possível fazer investimento de recursos humanos para que melhore o serviço público municipal”, disse.
Sobre a área da saúde, o pré-candidato disse que é preciso reestruturar para implantar melhorias na assistência primária evitando assim uma superlotação nos hospitais.
“A Secretaria de Saúde tem que ter uma atenção especial, ainda mais agora com o evento da pandemia que assolou todo mundo é muito mais necessária uma reestruturação administrativa para que os serviços sejam bem feitos. Há a necessidade de nós melhorarmos e implantarmos sistemas de saúde primária nos CRAS e nos postos de saúde nos bairros. Você melhorando esse serviço além de trazer um maior conforto para população vai evitar uma superlotação nos hospitais. Dentro do projeto de cidade inovadora precisamos melhorar o sistema de comunicação e informação promovendo serviços online para população no sentido que ela não precise sair de casa para marcar uma consulta”, explicou.

Evandro Glória também citou que educação é prioridade porque é a base e é uma questão estrutural.
“Educação vai ser a chave do governo. Porque sem educação você não tem uma boa saúde. Sem educação, o cidadão vai atravessar uma rua fora da faixa de pedestre, vai ser atropelado e vai para a rede pública, desculpa extremar, mas é isso aí. Sem educação o cidadão vai jogar lixo no bueiro e vai provocar alagamento. Então, educação para mim é ponto principal. É necessário um projeto de educação em Volta Redonda reestruturando as grades curriculares, desenvolvendo projetos pedagógicos que atendam a necessidade da comunidade”, afirmou.

Comentários