rocinha - divulgação
rocinhadivulgação
Por

Horário: 0h15

Enredo: Madeira Matriz

Compositores: Márcio André, Marquinhos do Armazém, Amaury Cardoso, Ronaldo Nunes, Rafael Prates, Flavinho Segal, Anderson Benson, JR Vidigal

Um olhar acende a luz da inspiração. Vem ilustrar Em preto e branco o meu Agreste. No taco da umburana, a matriz traçou a xilogravura de um matuto sonhador

Nos muros, vou retratar

A lida de sua gente

Nas feiras nuvens de balões,

Folheteiros de ilusões,

Doces frutas e piões O barro é ouro nas margens do Ipojuca. Floriu da palma o alimento dessa luta. Contra o Monstro do Sertão

Seca danada como essa ninguém viu, "Vamo" simbora que Asa Branca já partiu

Meu "Padim" faz chover,

São Jorge não vença o dragão!

Quem carrega a fé pra valer,

Vai seguindo a procissão

Estrelinhas lá no céu, alumiam Bezerros!

É São José Padroeiro! Qual "muié" pôs o cão na garrafa,

Quem viu casar Lampião?

É o pecado e a graça,

Desses causos do Sertão

Tem batuque pra Xangô, no pé da "Serra". Maracatú, Bumba-Meu-Boi

Papangú da minha terra

Nessa ciranda todo mundo vai chegar

Esse cortejo tem frevo e cantoria

Fiz de papel colè, as máscaras dessa folia!

Vem que a Rocinha chegou,

É nosso caso de amor

Deixa a borboleta te encantar,

Chora viola! (viola)

A minha história vai emocionar!

Você pode gostar
Comentários