O comandante-geral da PM%2C Wolney Dias  - Rafael Nascimento / Agência O Dia
O comandante-geral da PM%2C Wolney Dias Rafael Nascimento / Agência O Dia
Por O Dia

Rio - O comandante-geral da Polícia Militar, coronel Wolney Dias Ferreira, entregou nesta quinta-feira ao governador, Luiz Fernando Pezão, 16 propostas aprovadas durante a conferência "O futuro começa hoje - ações PMERJ 2018". Entre as medidas, estão a blindagem de unidades e viaturas da corporação com a ajuda da iniciativa privada. A entrega do documento marcou o encerramento do evento, que tinha o objetivo de traçar medidas práticas para melhorar o policiamento preventivo este ano. 

A corporação estuda reduzir de 38 para 20 o número de Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs), mas não informou quais seriam fechadas. "O caso ainda está em planejamento", disse Dias. Com a eventual extinção de algumas UPPs, os policiais que trabalham nessas áreas serão deslocados para reforçar as unidades remanescentes.

Durante dois dias, 220 participantes inscritos, entre policiais militares e especialistas da sociedade civil, discutiram propostas inseridas em oito eixos temáticos. Ao todo foram apresentadas 80 propostas, das quais foram selecionadas 16 pelo critério de relevância e possibilidade de serem executadas no curto prazo. A ação foi promovida pela PM em parceria com a ONG Viva Rio.

 

Você pode gostar
Comentários