Alegria no Ar
Coluna
Alegria no Ar
Com Fernando Mansur

Verdade Divina

O que se pensa é visto, o que se sente é "ouvido", não há falsidade

Por O Dia

Rio - Não é preciso ir para o mundo do Espírito para sentir o Espírito. Ele está aqui e agora, pois é Espírito-Matéria, em diferentes níveis, como tudo na manifestação. É um mundo mágico, um mundo autêntico como nunca vimos, em que a verdade brota como flor, naturalmente, sem esforço para percebê-la, pois já é óbvia.
Não há vícios ocultos nem méritos escondidos: tudo sobressai. O que se pensa é visto, o que se sente é “ouvido”, não há falsidade.
Imagine-se num lugar assim. Esse lugar não tem um local definido, ele é um estado, um estado de comunhão com a Unidade, com o Infinito. É pura harmonia, sintonia com o Plano Divino e seu propósito.
Lá – se é que existe “lá” – sabemos quem somos, conhecemos nossa origem e destinação; intuímos que somos partes do Todo, ou o próprio Todo vivendo nessa parte temporariamente inconclusa.
“Tentai, tentai”, dizem os que alcançaram esse estado de suprema bem-aventurança, cujo código de acesso é o Amor, o amor impessoal, o amor incondicional, em que “o outro” é mais importante que “o si mesmo”, e onde finalmente descobrimos que não há nem “eu” nem “o outro”, porque somos todos Um. É isso o que somos. E não é preciso ir a nenhum lugar para saber, pois já é. Tentemos. Podemos. Vamos!

Comentários