Direitos de passageiros de avião que você provavelmente não sabe que tem

Após realizamos uma compra temos direitos que devem ser respeitados pelas empresas que os vendem. Com passagens de avião não é diferente

Por KARILAYN AREIAS

Passageiros precisam ficar atentos aos seus direitos
Passageiros precisam ficar atentos aos seus direitos -
Após realizamos uma compra temos direitos que devem ser respeitados pelas empresas que os vendem. Com passagens de avião não é diferente. Mas, muita gente não sabe de algumas regrinhas que facilitam a vida do viajante. Confira abaixo sete direitos que você provavelmente não sabia que tinha:

1 - O consumidor tem 24 horas para desistir da comprar sem precisar pagar nada quando o bilhete é adquirido com mais de 7 dias antes da data do voo; 

2 - As multas para alteração da passagem ou reembolso não podem ultrapassar o valor pago na passagem; 

3 - Se, por algum motivo, a empresa não puder embarcar o passageiro ela deverá oferecer uma compensação financeira;

4 - Em passagens de ida e volta, caso o passageiro não consiga embarcar no voo de ida, ele pode solicitar à empresa que mantenha o voo de volta;

5 - Qualquer alteração no horário e itinerário do voo deve ser comunicada ao passageiro no prazo de até 72 horas antes da data e hora previstas; 

6 - Os usuários de cadeiras de rodas devem ser acomodados em assentos especiais;

7 - Cães guia devem ser acomodados gratuitamente;

Você também pode conferir mais direitos dos passageiros no site da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários