Decreto da União autoriza secretário-executivo da Economia a demitir servidores

Funcionários de autarquias e fundações poderão ser exonerados pelos dirigentes máximos dos órgãos

Por O Dia

-
Brasília- Decreto assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e publicado na edição desta quinta-feira do Diário Oficial da União autoriza o secretário-executivo do Ministério da Economia e os dirigentes máximos de autarquias e fundações públicas — vinculadas à pasta — a demitirem os servidores dos órgãos.
Antes da edição do ato, a exoneração de funcionários de autarquias e fundações só podia ser feita por ministros de Estado. Agora, com o Decreto 10.156/2019, o secretário-executivo e os dirigentes dos órgãos terão permissão para julgar processos administrativos disciplinares, e, com isso, aplicar penalidades, como demissão e cassação de aposentadoria.
Com Agência Estadão Conteúdo
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários