PMs vão para Tesouro estadual

Por PALOMA SAVEDRA

A saída dos PMs e bombeiros do Rioprevidência — para que sejam transferidos para o Tesouro estadual — estará prevista em lei. Sérgio Aureliano está elaborando, junto com a equipe técnica da autarquia, o texto.

E, na terça-feira, ele se reunirá com os comandos do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar para definir mais detalhes do projeto que será enviado à Alerj em 2020.

Como a coluna informou em 3 de novembro, a reforma das Forças Armadas abre caminho para que os PMs e os bombeiros passem a ficar sob a cobertura do Tesouro.

"Militares não se aposentam, eles vão para a reserva. Como não fazem parte da previdência, têm que estar no Tesouro", disse Aureliano.

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários