Governador eleito nega definição de líder do governo na Alerj

Witzel disse que confirmação de Márcio Pacheco e outros nomes "não procede"

Por PALOMA SAVEDRA

O governador eleito, Wilson Witzel, negou, por meio de nota, a confirmação de que o deputado de seu partido (PSC), Márcio Pacheco, será o líder do governo na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), bem como outros nomes que vêm sendo levantados para cargos do governo. 

Nos corredores da Alerj, Pacheco é apontado como um dos possíveis candidatos à presidência da Casa, além de André Corrêa (DEM) e do atual presidente em exercício, André Ceciliano (PT). O cenário para o próximo ano legislativo no Palácio Tiradentes, porém, ainda não foi definido, o que significa a possibilidade de Pacheco concorrer ao cargo ou de fato assumir a liderança do governo.

"Os únicos nomes confirmados foram os já anunciados até aqui pelo próprio governador eleito: Sérgio Aureliano, para o Rioprevidência, e José Luiz Cardoso Zamith, coordenador geral da transição", disse Witzel.